The inter-relationship between work, education and human training: implications in teaching in professional education

Alyne Campelo da Silva, Ana Lúcia Sarmento Henrique, Olívia Morais de Oliveira Neta

Abstract


The transformations which are processed in the labor market and the impact on the field of education emphasize the need to deepen the debate on this historical relationship. The critical reading of this scenario allows one to understand the new roles that education assumes as a strategic path coopted by capital. Thereby, the present article intends to discuss the relationship between work, education and human formation, situating the discussion around the implications that these interrelations causes in the whole society, with repercussions on the teaching work, especially in Professional Education. For the study we conducted literature and consulted authors such as Marx (2014), Braverman (1977), Antunes (2014), Kuenzer (2013), Ramos (2008, 2014), Moura (2014), among others. We start from the premise that the conjunctural scenario has caused significant changes for the labor category and for the working class. We pointed out that education is seen as a tool to solve the problem of employment and promote development by hiding the real interests of the hegemonic bloc.  Deepening the debate around the conception of human formation as a possibility to promote autonomy and emancipation in the subject. Finally, we highlight the nature of the work of the teacher and the possibility of assuming a working perspective counterhegemonic in the space of professional education.


Keywords


Labor and Education; Social transformations; Human formation; Teaching Work in Professional Education.

References


ANTUNES, Ricardo. Adeus ao trabalho? Ensaio sobre as metamorfoses e a centralidade do mundo do trabalho. 8. ed. São Paulo: Cortez, 2002.

ANTUNES, Ricardo. Da pragmática da especialização fragmentada à pragmática da liofilização flexibilizada: as formas da educação no modo de produção capitalista. Revista Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Londrina, v. 1, n. 1, p.25-33, jun. 2009a. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2018.

ANTUNES, Ricardo. Os sentidos do trabalho: ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho. São Paulo: Boitempo, 2009b.

ANTUNES, Ricardo. Dez teses e uma hipótese sobre o presente (e o futuro) do trabalho. In: ANTUNES, Ricardo. Os sentidos do trabalho: ensaios sobre a afirmação e a negação do trabalho. 25 ed. São Paulo: Boitempo, 2014. p. 247-261.

ARAGONEZ, Iara Borges. Trabalho como princípio educativo na prática pedagógica real. In: AZEVEDO, José Clóvis; REIS, Jonas Tarcísio. (Org.). Reestruturação do Ensino Médio: Pressupostos teóricos e desafios da prática. São Paulo: Fundação Santillana, 2013. p. 97-117.

ARAUJO, Ronaldo Marcos de Lima. Formação de docentes para a educação profissional e tecnológica: por uma pedagogia integradora da educação profissional. Revista Trabalho e Educação. v. 07, n. 02, maio/ago., 2008.

BRAVERMAN, Harry. Trabalho e capital monopolista: a degradação do trabalho no século XX. Tradução de Nathanael C. Caixeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 1977.

CIAVATTA, Maria Aparecida. A cultura do trabalho e a educação plena negada. In: SOUSA, Antonia de Abreu; OLIVEIRA, Elenilce Gomes de; ARRAIS NETO, Enéias de Araújo. (Org.). As interfaces do mundo do trabalho: educação, práxis social e formação dos trabalhadores. Curitiba: CRV, 2016. p. 139-155.

DIAS, Ana Patrícia. As metamorfoses da categoria trabalho. In: SOUSA, Antonia de Abreu; OLIVEIRA, Elenilce Gomes de; ARRAIS NETO, Enéias de Araújo. (Org.). As interfaces do mundo do trabalho: educação, práxis social e formação dos trabalhadores. Curitiba: CRV, 2016. p. 55-74.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A produtividade da escola improdutiva. São Paulo, Cortez/Autores Associados, 1989.

FRIGOTTO, Gaudêncio. Os circuitos da história e o balanço da educação no Brasil na primeira década do século XXI. Revista Brasileira de Educação (Impresso), v. 16, 2011. p. 235-254.

FRIGOTTO, Gaudêncio. Concepções e mudanças no mundo do trabalho e o ensino médio. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise. Ensino médio integrado: concepções e contradições. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2012. p. 57-82.

HARVEY, David. A Condição pós-moderna. São Paulo: Loyola.1993.

HIPÓLYTO, Álvaro Moreira; GRISHCKE, Paulo Eduardo. Trabalho imaterial e trabalho docente. Revista do centro de educação UFSM. v. 38, n. 3. p. 507-522. set./dez. 2013. Disponível em: Acesso em: 22 set. 2018.

KUENZER, Acácia Zeneida. Formação de professores para a educação profissional e tecnológica: perspectivas históricas e desafios contemporâneos. In: Formação de professores para a educação profissional e tecnológica. Coleção educação superior em debate. v. 8. Brasília: 2008. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas educacionais Anisío Teixeira. 304p.

KUENZER, Acácia Zeneida. A concepção de Ensino Médio e Profissional no Brasil: a história da construção de uma proposta dual. In: KUENZER, Acácia Zeneida. Ensino Médio: construindo uma proposta para os que vivem do trabalho. 6 ed. São Paulo: Cortez, 2009.

KUENZER, Acácia Zeneida. A formação de professores para o ensino médio: velhos problemas, novos desafios. Educação e sociedade. Campinas, v. 32, n. 116, set. 2011.

KUENZER, Acácia Zeneida. Dilemas da formação de professores para o ensino médio no século XXI. In: AZEVEDO, José Clóvis; REIS, Jonas Tarcísio. (Org.). Reestruturação do Ensino Médio: Pressupostos teóricos e desafios da prática. São Paulo: Fundação Santillana, 2013. p. 81-96.

LESSA, Ségio. Da contestação à rendição. In: BERTOLDO, Edna. MOREIRA, Luciano Accioly Lemos; JIMENEZ, Suzana. (Org.). Trabalho, educação e formação humana: Frente a necessidade histórica da revolução. São Paulo: Instituto Lukács. 2012. p. 29-50.

LIMA FILHO, Domingos Leite. Políticas públicas para a educação profissional e EJA nos anos 2000: sentidos contraditórios da expansão e da redefinição institucional. In: MOURA, Dante Henrique (Org.). Produção de conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas: Mercado Letras, 2013. p.201-220.

MARX, Karl. Produtividade do Capital, Trabalho Produtivo e Improdutivo. In: ______. Teorias da mais valia. Livro 4. v. 1. São Paulo: Bertrand Brasil, 1987. Disponível em: Acesso em: 22 set. 2018.

MARX, Karl. O Capital: crítica da economia política. Livro I, v. 1. Tradução de Reginaldo Sant’Anna. 33 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2014.

MOURA, Dante Henrique. Ensino médio e educação profissional: dualidade histórica e possibilidades de integração. In: MOLL, Jaqueline. (Org.). Educação profissional e tecnológica no Brasil contemporâneo: Desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010. p. 58-79.

MOURA, Dante Henrique. Trabalho e formação docente na educação profissional. 1. ed. Vol III. Coleção formação pedagógica. Curitiba: IFPR-EAD, 2014.

RAMOS, Marise Nogueira. A pedagogia das competências: autonomia ou adaptação? 3. ed. São Paulo: Cortez, 2006.

RAMOS, Marise Nogueira. Concepção do ensino médio integrado. 2008. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2018.

RAMOS, Marise Nogueira. História e política da educação profissional. Curitiba: Instituto Federal do Paraná, 2014.

SALES, Francisco José Lima. Reconversão produtiva e educação: polêmicas sobre a formação/qualificação do trabalhador no capitalismo contemporâneo. In: SOUSA, Antonia de Abreu; OLIVEIRA, Elenilce Gomes de; ARRAIS NETO, Enéias de Araújo. (Org.). As interfaces do mundo do trabalho: educação, práxis social e formação dos trabalhadores. Curitiba: CRV, 2016. p. 157-173.

SOUZA JUNIOR, J. Educação Profissional e Educação Geral: desafios da integração no ensino médio. In: AZEVEDO, José Clóvis; REIS, Jonas Tarcísio. (Org.). Reestruturação do Ensino Médio: Pressupostos teóricos e desafios da prática. São Paulo: Fundação Santillana, 2013. p. 97-117.

URBANETZ, Sandra Teresinha. A constituição do docente para a educação profissional. Curitiba, 2011. 151 f. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal do Paraná, 2011.

VIEIRA, Jarbas Santos; FONSECA, Marcia Souza. Natureza do trabalho docente. In: OLIVEIRA, Dalila Andrade; DUARTE, Adriana Maria Cancella; VIEIRA, Lívia Maria Fraga. DICIONÁRIO: trabalho, profissão e condição docente. Belo Horizonte: UFMG/Faculdade de Educação, 2010. CDROM




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v8i1.594

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356