Educational intervention about palliative care aimed at people with malignant cutaneous tumor wounds: Nurses' experience

Glenda Agra, Alynne Mendonça Saraiva Nagashima, Marta Miriam Lopes Costa

Abstract


Objective: to analyze the experience of nurses after participating in an educational intervention about palliative care aimed at people with malignant cutaneous tumor wounds. Method: This is an exploratory research, with a qualitative approach, carried out with 11 nurses who worked in the High Complexity Health Care in Oncology of Paraíba between the months of June and July 2018 and analyzed using the Bardin content analysis technique. Results: From the analysis, two categories emerged: Category 1 - There is always something to learn: deconstructing, reconstructing and transforming knowledge, which was divided into three subcategories and Category 2 - Redefining know-how: transforming care. Conclusions: It was found that the process of significant learning was the guiding thread for a reflective practice, since they re-signified knowledge and practices related to palliative care and transformed nursing care aimed at people with malignant cutaneous tumor wounds.


Keywords


Knowledge; Palliative care; Nurses; Nursing; Skin Ulcer; Neoplasia.

References


Agra, G., Andrade, F. L. M., & Costa, M. M. L. (2017). Malignant cutaneous tumor wounds simulators an a teaching-learning strategy for nurses. J Nurs UFPE on line. 11(8): 3180-6. Available from: http://periodicos.ufpe.br/revistasenfermagem/article/dowload/110226/22146. DOI: 10.5205reuol.11064-98681-4-ED.1108201724. Acesso em 30 nov 2017.

Ausubel, D. (2000). Aquisição e retenção de conhecimentos: uma perspectiva cognitiva. Lisboa: Plátano Edições Técnicas.

Ausubel, D. P., Novak, J. D. & Hanesian, H. (1980). Psicologia educacional. Rio de Janeiro: Interamericana.

Bardin, L. (2011). Análise do conteúdo. Lisboa: Edições 70.

Belmont, R. S. (2016). Contribuições da teoria da aprendizagem significativa para avaliação educacional. Aprendizagem Significativa Rev. 6 (3): 79-88. Disponível em: http://www.if.ufrgs.br/asr/artigos/Artigo_ID91/v6_n3_a2016.pdf. Acesso em 02 set 2018.

Caldas, G. H. O., Moreira, S. N. T., & Vilar, M. J. (2018). Cuidados paliativos: uma proposta para o ensino da graduação em medicina. Rev. Bras. Geriatr. Gerontol. 21(3): 269-80. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbgg/v21n3/pt_1809-9823-rbgg-21-03-00261.pdf. DOI: https://doi.org/10.1590/1981-22562018021.180008. Acesso em 02 jan 2019.

Delors, J., Al-Mufti, I., Amagi, I., Carneiro, R., Chung, F. & Geremek, B. et al. Educação: um tesouro a descobrir, relatório para a UNESCO da comissão internacional sobre educação para o século XXI (destaques). São Paulo: Cortez; Brasília, DF: UNESCO, 2010. Disponível em: https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000109590_por. Acesso em 30 nov 2018.

Fernandez, V., & Beligoy, M. (2015). Estilos de aprendizaje y su relación con la necessidade de reestructuración de las estratégias de aprendizaje de los estudiantes universitários de primer año. FEM. 18 (5): 361-6. Disponível em: http://scielo.isciii.es/pdf/fem/v18n5/original8.pdf. Acesso em 02 set 2018.

Fonseca, M. L. G., & Sá, M. C. (2020). The intangible in the production of care: the exercise of practical intelligence in an oncology ward. Cien. saúde coletiva. 25(1): 159-68. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v25n1/en_1413-8123-csc-25-01-0159.pdf. DOI: http://10.1590/1413-81232020251.29022019. Acesso em 02 abr 2020.

Instituto Nacional do Câncer (BR). (2011). Coordenação Geral de Gestão Assistencial. Hospital do Câncer IV. Tratamento e controle de feridas tumorais e úlceras por pressão no câncer avançado. Instituto Nacional do Câncer. Coordenação Geral de Gestão Assistencial. Hospital do Câncer IV. Rio de Janeiro: INCA; 2011.

Lopes, M. C. R., & Morel, C. M. (2019). Processos de aprendizagem de adultos na educação profissional em saúde. Trab. Educ. Saúde. 17(1):e-0018111. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tes/v17n1/0102-6909-tes-17-1-e0018111.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1981-7746-sol00181. Acesso em 12 dez 2019.

Masini, E. F. S. (2011). Aprendizagem significativa: condições para ocorrência e lacunas que levam a comprometimentos. Aprendizagem Significativa Rev. 1 (1): 16-24. Disponível em: http://www.if.ufrgs.br/asr/artigos/Artigo_ID2/v1_n1_a2011.pdf. Acesso em: 02 set 2018.

Masini, E. F. S. (2012). Aprendizagem por compreensão e reflexão. Aprendizagem Significativa Rev. (1): 35-43. Disponível em: http://www.if.ufrgs.br/asr/artigos/ Artigo_ID23/v2_n1_a2012.pdf. Acesso em: 02 set 2018.

Masini, S. F. S. (2016). Aprendizagem significativa na escola. Aprendizagem Significativa Rev. 6 (3): 70-8. Disponível em: http://www.if.ufrgs.br/asr/artigos/Artigo_ID90/ v6_n3_a2016.pdf. Acesso em 02 set 2018.

Ministério da Saúde (BR). (2003). Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. Departamento de Gestão da Educação em Saúde. Caminhos para a mudança da formação e desenvolvimento dos profissionais de saúde: diretrizes para a ação política para assegurar Educação Permanente no SUS. Brasília: Ministério da Saúde; 2003.

Ministério da Saúde (BR). (2013). Portaria nº874, de 16 de maio de 2013. Institui a Política Nacional para o Controle do Câncer na Rede de Atenção à Saúde das Pessoas com Doenças Crônicas no âmbito do Sistema Único de Saúde. Diário Oficial da União. Brasília, 17 de maio 2013. Seção 1, p.129-32.

Moreira, M. A. (2016). Subsídios teóricos para o professor pesquisador em ensino de ciência: a teoria da aprendizagem significativa. Instituto de Física, UFRGS, Porto Alegre, Brasil. Disponível em: https://www.if.ufrgs.br/~moreira/Subsidios6.pdf. Acesso em 05 set 2018.

Novak, J. D. (2000). Aprender, criar e utilizar o conhecimento: mapas conceituais como ferramenta de facilitação nas escolas e empresas. Lisboa: Plátano.

Tilley, C., Lipson, J., & Ramos, M. (2016). Palliative wound care for malignant fungating wounds: holistic considerations at end-of-life. Nurs Clin North Am. 51(3):513-31. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27497023. Acesso em 10 jan 2017.

Waldow, V. R. (2015). Enfermagem: a prática do cuidado sob o ponto de vista filosófico. Investig Enferm. Imagen Desarr. 17 (1): 13-25. Disponível em: http://texto%20del%20artículo-42478-1-10-20141222%20(2).pdf. Acesso em 02 set 2018.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i8.5524

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com