Patient safety culture in hospital environment: trends in brazilian production

Alessandra Suptitz Carneiro, Rafaela Andolhe, Tais Carpes Lanes, Tania Solange Bosi de Souza Magnago

Abstract


Objective: to characterize the Brazilian production of theses and dissertations on the culture of patient safety in a hospital environment, identifying the trends of this production. Method: narrative review study, carried out in the catalogue of theses and dissertations of the Catalogue of Theses and Dissertations of the Coordination for the Improvement of Higher Education Personnel, carried out in January 2020. Results: 23 studies were reviewed. The trend was identified as dissertation studies, produced by nursing in the Southeast region, under the quantitative approach, using validated questionnaires and published 2017. The hospital environment is the main scenario of study, followed by intensive care units, which approached the nursing team. There was a predominance of negative or fragile safety culture. It is noteworthy that the improvement of safe health care practices can help in the consolidation and resolution of the actions proposed by health services. Final considerations: there are needs and possibilities for changes in the quality of services, given the opportunity for a favorable environment. Therefore, there is the need to strengthen the Patient Safety Centers of health institutions, especially hospital ones, which requires institutional investment in risk management and dissemination of permanent education actions to strengthen safe practices.


Keywords


Organizational culture; Patient safety; Hospitals; Nursing.

References


Andrade, L.E.L.D. (2016). Evolução da cultura de segurança em hospitais brasileiros após a implantação do Programa Nacional de Segurança do Paciente. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, Brasil.

Astier-peña, M.P., Torijano-Casalengua, M.L., Olivera-Cañadas, G., Silvestre-Busto, C., Agra-Varela, Y., & Maderuelo-Fernández, J.A. (2015). Are Spanish primary care professional saw are of patient safety? Eur. J. Public. Health. 25(5), 781–87. doi: https://doi.org/10.1093/eurpub/ckv066

Barbosa, M.H., Aleixo, T.C.S., Oliveira, K.F., Nascimento, K.G., Felix, M.M.S., & Barichello, E. (2016). Clima de segurança do paciente em unidades de clínica médica e cirúrgica. Revista Eletrônica de Enfermagem, 18. doi: https://doi.org/10.5216/ree.v18.39763

Barratto, M.A.M. (2015). Cultura de segurança do paciente: percepções e atitudes dos trabalhadores nas instituições hospitalares de Santa Maria. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, Brasil.

Brasil. (2009). Portaria nº 3.012, de 1º de dezembro de 2009. Ministério da Saúde, Regulamento Técnico Mercosul para Produtos com Ação Antimicrobiana Utilizados em Artigos Críticos e Semi-críticos, Áreas Críticas e Semi-críticas e Esterilizantes. Diário Oficial da União.

Brasil. (2013). Ministério da Saúde. Portaria Nº 529, DE 1º de Abril de 2013. Institui o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP). Diário Oficial da União, DF, Brasil.

Brasil. (2017). Plataforma Lattes – CNPq. Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil [internet]. Disponível em: http://lattes.cnpq.br/web/dgp/home

Brum, C.N., Zuge, S.S., Rangel, R.F., Freitas, H.M.B., & Pieszak G.M. (2017). Revisão narrativa da literatura: aspectos conceituais e metodológicos na construção do conhecimento da enfermagem. In: Lacerda, M.R, & Costenaro, R.G.S. Metodologias da pesquisa para a enfermagem e saúde. Da teoria à prática. Lacerda, M.R. & Costenaro, R.G.S (Org.). Porto Alegre (RS): Moriá, p. 123-42.

Cardosa, A.T. (2018). Análise da Cultura da Segurança do Paciente: percepção de profissionais de saúde de um hospital da cidade de São Paulo. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de São Paulo, SP, Brasil.

Carvalho, R.E.F.L. (2011). Adaptação transcultural do Safety Attitudes Questionnaire para o Brasil- Questionário de Atitudes de Segurança. Tese de doutorado, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brasil.

Cauduro, F.M.F., Sarquis, I.M., & Cruz, E.D.A. (2015). Safety culture among surgical center professionals*. Cogitare enferm. Rev., 20(1), 129-38. doi: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v20i1.36645

Costa, D.B.D. (2014). Cultura de segurança do paciente em serviços de enfermagem hospitalar. Dissertação de mestrado, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brasil.

Ducci, A.J. (2015). Segurança do paciente em unidades de terapia intensiva: fatores dos pacientes, estresse, satisfação profissional e cultura de segurança na ocorrência de eventos adversos. Tese de doutorado, Universidade de São Paulo, SP, Brasil.

Elias, S.D.S. (2016). Percepção do clima de segurança do paciente em instituições hospitalares. Dissertação de mestrado, Universidade de São Paulo, SP, Brasil.

Fassarella, C.S. (2016). Avaliação da cultura de segurança do paciente em ambiente hospitalar: estudo comparativo em hospital universitário e público do Rio de Janeiro e do Porto. Tese de doutorado, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Gargia, C.L. (2019). Relação entre cultura de segurança do paciente e burnout em hospitais pediátricos. Tese de doutorado, Centro Universitário Saúde ABC, Santo André, SP, Brasil.

Golle, L., Ciotti, D., Herr, G.E.G., Aozane, F., Schmidt, C.R., & Kolankiewicz, A.C.B. (2018). Cultura de segurança do paciente em hospital privado. Rev. Fund Care Online, 10(1), 85-89, doi: 10.9789/2175-5361.2018.v10i1.85-89

Gomides, M.D.A. (2016). Análise da cultura da segurança entre os profissionais da unidade de terapia intensiva adulto de uma instituição de ensino. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Goiás, Catalão, GO, Brasil.

Guirardello, E.B. (2019). Impact of critical care environment on burnout, perceived quality of care and safety attitude of the nursing team. Rev. latinoam. enferm., 25:e2884. doi: 10.1590/1518-8345.1472.2884

Jansen, R.C.S. (2019). Clima de segurança do paciente na perspectiva dos profissionais de enfermagem de hospitais públicos. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual do Maranhão, Caxias, MA, Brasil.

Lemos, G.D.C. (2018). Cultura de segurança do paciente na perspectiva de profissionais de enfermagem: fatores laborais e institucionais relacionados. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de São João Del-Rei, São João del-Rei, MG. Brasil.

Lopes, M.C.C. (2017). Cultura de segurança do paciente e esgotamento em profissionais da saúde de um hospital universitário de Manaus: estudo transversal. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Amazonas, Manaus, AM, Brasil.

Lopez, E.C.M.S. (2019). Avaliação da cultura de segurança em unidades cirúrgicas de hospitais de ensino. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, PR, Brasil.

Macedo, T.R. (2015). Cultura de segurança do paciente em unidades de emergência pediátrica: perspectiva da equipe de enfermagem. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil.

Martins, N.M. (2018). Cultura de Segurança do Paciente: Atitudes dos profissionais de enfermagem das Unidades de Terapia Intensiva Gerais dos hospitais de Alagoas. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Alagoas, Maceió, AL, Brasil.

Marques, J.M. (2017). Cultura de segurança do paciente em um hospital filantrópico do Rio de Janeiro. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Mello, J.F.D. (2011). Cultura de segurança do paciente em unidade de terapia intensiva: perspectivas da enfermagem. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil.

Mimuzzi, A.P. (2014). Cultura de segurança do paciente: avaliação dos profissionais de saúde de uma unidade de terapia intensiva. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil.

Munhoz, O.L., Andolhe, R., Schimith, M.D., Oliveira, G., Ribeiro, T.L., Silva, T.C., & Cremonese, L. (2018). Estresse ocupacional e cultura de segurança: tendências para contribuição e construção do conhecimento em enfermagem. ABCS health Sci, 43(2), 110-16. doi: http://dx.doi.org/10.7322/abcshs.v43i2.991

Neto A.V.D.L. (2017). Percepção da cultura de segurança do paciente pelos enfermeiros de unidades de terapia intensiva. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, Brasil.

Nicacio, M.C. (2019). Cultura de segurança da mulher no parto hospitalar: um estudo misto das percepções dos profissionais de enfermagem e médicos. Dissertação de mestrado, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Nogueira, J.W.S., & Rodrigues, M.C.S. (2015). Effective communication in teamwork in health: a challenge for patient safety. Cogitare enferm. Rev., 20(3), 636-40. doi: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v20i3.40016

Notaro, K.A.M. (2017). Avaliação da cultura de segurança do paciente em unidades de neonatologia na perspectiva da equipe multiprofissional. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, Brasil.

Reis, F.F.P., Oliveira, K.F., Luiz, R.B., Barichello, E., Cruz, L.F., & Barbosa, M.H. (2017). Cultura de segurança em unidades de terapia intensiva. Rev. enferm. atenção saúde, 6(2), 34-48, 2017. doi: https://doi.org/10.18554/reas.v6i2.1991

Reis, C.T., Martins, M., & Laguardia, J. (2013). A segurança do paciente como dimensão da qualidade do cuidado de saúde – um olhar sobre a literatura. Ciênc. saúde coletiva, 18(7), 2029-36. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232013000700018

Reis, C.T., Laguardia, J., & Martins, M. (2012). Adaptação transcultural da versão brasileira do Hospital Survey on Patient Safety Culture: etapa inicial. Cad. Saúde Pública, 28(11), 2199-10. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012001100019

Rocha, R.C. (2017). Cultura de segurança do paciente em centro cirúrgico: perspectiva da equipe de enfermagem. Dissertação de mestrado, Fundação Universidade Federal do Piauí, Teresina, PI, Brasil.

Rodrigues, F.C.P. (2017). Cultura de segurança do paciente e predisposição à ocorrência de eventos adversos em unidade de terapia intensiva. Tese de doutorado, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, Brasil.

Sexton, J.B., Thomas, E.J., & Grillo, S.P. (2003). The Safety Attitudes Questionnaire: Guidelines for administration. Texas: University of Texas.

Silva, A.C.A.B. (2016). Cultura de segurança do paciente em organização hospitalar. Dissertação de mestrado, Salvador, BA, Brasil.

Silva, M.D.F. (2017). Cultura de segurança da equipe de enfermagem no serviço de urgência e emergência. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, Brasil.

Schuh, L.X. (2016). Atitudes e percepções dos profissionais de enfermagem: um estudo sobre a cultura de segurança do paciente em unidades de emergência. Dissertação de mestrado, Universidade de Santa Cruz do Sul, Santa Cruz do Sul, RS, Brasil.

Tomazoni, A. (2013). Cultura de segurança do paciente em unidades de terapia intensiva neonatal. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil.

Wordl Healnth Organization (WHO). (2009). World Alliance for Patient Safety, Taxonomy. The Conceptual Framework for the International Classification for Patient Safety. Final Technical Report. January.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i7.5132

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com