Leprosy: health education in front of prejudice and social stigms

Regiane Camarão Farias, Bruna Renata Farias dos Santos, Lidiane Assunção de Vasconcelos, Lisiany Carneiro de Santana Moreira, Karollyne Quaresma Mourão, Kellyne Quaresma Mourão

Abstract


The main objective of this article is to report the experience of nursing students in a health education action on leprosy, with the elderly, in a Municipal Health Unit. The methodology consisted of a qualitative study with a descriptive approach of the type of experience report, having as a basic instrument of elaboration of the research the Arch of Maguerez, which is composed of five stages, namely: a) Observation of Reality; b) Survey of Key Points; (c) theorization; d) Solution Hypotheses; e) Return to Reality. The result was through health education, solving numerous doubts that users had about leprosy, contributing to the promotion and prevention of the population's health, enabling the execution of preventive practices and adherence to treatment. We believe that this study can contribute to other research focused on this approach and serve as an incentive for more health actions on this disease, based on coping with prejudices, taboos and social stigmas, thus fulfilling itself effectively and responsibly.


Keywords


Leprosy; Elderly; Health Education; Nursing.

References


Barreto, A. C. O., et al. (2019). Percepção da equipe multiprofissional da Atenção Primária sobre educação em saúde. Revista Brasileira Enfermagem, 72 Suppl 1, 278-85. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0702

Barros, R. O. (2019). Hanseníase: Aspectos históricos e epidemiológicos. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento, 03 (08), 149-167. Retrieved from: https://www.nucleodoconhecimento.com.br/saude/hanseniase

Costa, A. K. A. N. et al. (2019) Aspectos clínicos e epidemiológicos da hanseníase. Revista de enfermagem UFPE on line, 13 (1), 353-62. doi: 10.5205/1981-8963-v13i02a236224p353-362-2019

Costa, L. A., et al. (2017). Análise epidemiológica da hanseníase na Microrregião de Tucuruí, Amazônia brasileira, com alto percentual de incapacidade física e de casos entre jovens. Revista Pan-Amazônica de Saúde, 8 (3). doi: 10.5123/s2176-62232017000300002

Cunha, D. V., et al. (2019). Perfil Epidemiológico da Hanseníase no Município de Castanhal – Pará no período de 2014 a 2017. Revista Eletrônica Acervo Saúde, 11 (15), e 858. doi: 10.25248/reas.e858.2019

Freitas, B. H. B. M., et al. (2019). Práticas educativas sobre hanseníase com adolescentes: revisão integrativa da literatura. Revista Brasileira Enfermagem, 72 (5), 1466-73. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0458

Freitas, B. H. B. M., et al. (2019). Percepção de adolescentes sobre a hanseníase. Revista de enfermagem UFPE on line, 13 (2), 292-7. doi: 10.5205/1981-8963-v13i02a237260p292-297-2019

Lobato, D. C., et al. (2016). Avaliação das ações da vigilância de contatos domiciliares de pacientes com hanseníase no Município de IgarapéAçu, Estado do Pará, Brasil*. Revista Pan-Amazônica de Saúde, 7 (1), 45-53. doi: 10.5123/S2176-62232016000100006

Monteiro, B. R., et al. (2020). Educação em saúde para a hanseníase: experiência da enfermagem. Revista Saúde (Santa Maria), 44 (1), 1-5. doi: 10.5902/2236583424084

Nogueira, P. S. F., et al. (2017). Fatores associados à capacidade funcional de idosos com hanseníase. Revista Brasileira Enfermagem, 70 (4), 744-51. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0091

Pereira, A. S., Shitsuka, D. M., Parreira, F. J., & Shitsuka, R. (2018). Metodologia da pesquisa científica. [e-book]. Santa Maria, Brasil: Ed. UAB/NTE/UFSM. Retrieved June 8, 2020, from: repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/15824/Lic_Computacao_Metodologia-Pesquisa-Cientifica.pdf?sequence=1.

Pinheiro, M. G. C., et al. (2019). Análise contextual da atenção à saúde na alta em hanseníase: uma revisão integrativa. Revista Gaúcha de Enfermagem, 40, e. 20180258. doi: 10.1590/1983-1447.2019.20180258

Pinheiro, M. G. C., et al. (2017). Compreendendo a “alta em hanseníase”: uma análise de conceito. Revista Gaúcha de Enfermagem, 38 (4), e. 63290. doi: 10.1590/1983- 1447.2017.04.63290

Ramos, C. F. V., et al. (2019). Práticas educativas: pesquisa-ação com enfermeiros da Estratégia de Saúde da Família. Revista Brasileira Enfermagem, 71 (3), 1211-8. doi: 10.1590/0034-7167-2017-0284

Ribeiro, M. D. A., Silva, J. C. A., & Oliveira, S. B. (2018). Estudo epidemiológico da hanseníase no Brasil: reflexão sobre metas de eliminação. Revista Panamericana de Salud Publica, 42. doi: 10.26633/RPSP.2018.42

Sacramento, R. C., et al. (2020). Ações de enfermagem na promoção da saúde da mulher no contexto amazônico. Research, Society and Development, 9 (5), doi: 10.33448/rsd-v9i5.3319

Santos, B. R. F. (2019). Aplicativo para mediar os cuidados básicos com recémnascidos no domicílio: Produção de tecnologia educacional baseado em evidencias. Belém, Brasil: Universidade do Estado do Pará.

Santos, K. C. B., et al. (2019). Hanseníase na pessoa idosa: Revisão integrativa. Enciclopédia biosfera, Centro Científico Conhecer, 16 (29), 2043. doi: 10.18677/EnciBio_2019A158

Silva, D. D. B., et al. (2018). A hanseníase na população idosa de Alagoas. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, 21 (5), 573-581. doi: 10.1590/1981-22562018021.180076

Silva, M. C. D., & Paz, E. P. A. (2010). Educação em saúde no programa de controle da hanseníase: a vivência da equipe multiprofissional. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 14 (2), 223-229. doi: 10.1590/S1414-81452010000200003

Souza, R. G., Lanza, F. M., & Souza, R. S. (2018). Sensibilização dos Agentes Comunitários de Saúde para a atuação nas ações prevenção e controle da hanseníase: relato de experiência. HU Revista, 44 (3), 411-415. doi: 10.34019/1982-8047.2018.v44.25621

Velôso, D. S., et al. (2018). Perfil Clínico Epidemiológico da Hanseníase: Uma Revisão Integrativa. Revista Eletrônica Acervo Saúde, 10 (1), 1429-1437. doi: 10.25248/REAS146_2018




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i8.4923

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com