The pedagogue and the teaching of mathematics

Maria José Costa dos Santos, Rodolfo Sena da Penha, Wendel Melo Andrade

Abstract


In the scenario of discussions about the didactic and epistemological obstacles that 'haunt' the teaching and learning processes of Mathematics content in Elementary School in the early years, we find among other Santos theorists (2007; 2014; 2015; 2017). In this study, we aim to present the importance of challenging the Pedagogy graduate to leave his 'comfort zone', where he reproduces the mathematical contents/models, and provoke him to deconstruct/reconstruct/discover the mathematical concepts, to the detriment of a paralytic reproduction, and thus, we contribute to the thinking/questioning, from challenging situations. This practice has also contributed to the pedagogist's perception that his knowledge must exceed that of the student; and, above all, it has made it possible for the pedagogist to reflect more on his praxis, in order to constitute himself within the process as an epistemic subject, providing him with a rethinking of his action in a vision of what it is to teach. The actions have awakened us to the need for a more innovative teaching formation that overcomes challenges and difficulties in the exercise of teaching with excellence.


Keywords


Pedagogue; Mathematics; Training; Teaching and learning.

Full Text:

PDF

References


Brasil. (1997). Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática / Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC /SEF.

Brasil. (1998). Referencial curricular nacional da Educação Infantil. Ministério da Educação e do Desporto, Secretaria de Educação Fundamental. — Brasília: MEC/SEF.

Brasil. (2006). Diretrizes Curriculares do Curso de Pedagogia. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC /SEF.

Brasil. (1996). Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN). Lei no. 9.394 de 1996.

Caraça, B. J. (2002). Conceitos fundamentais da Matemática. Lisboa: Livraria Sá da Costa Editora.

CURI, E. (2008). Pesquisas sobre a formação do professor que ensina matemática por grupos de pesquisa de instituições paulistanas. Educ. Mat. Pesqui., São Paulo, v. 10, n. 1, pp. 151-189.

Lima, I. P. (2007). A matemática na formação do pedagogo: oficinas pedagógicas e a plataforma teleduc na elaboração dos conceitos. 184p. Tese (Doutorado em Educação: Ensino de Matemática) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.

Kamii. Constance. (1990). A criança e o número: implicações da teoria de Piaget. Campinas: Papirus.

Nacarato, A. M. et al. (2005). Compartilhando saberes: professores e futuros professores em um grupo de trabalho colaborativo. In: Congresso Ibero-Americano de Educação Matemática, Porto.

Piaget, Jean. (1978). O nascimento da inteligência na criança. 3.ed. Rio de Janeiro: Zahar.

Borges Neto, H., & Santos, M. J. C. (2006). O desconhecimento das operações concretas e os números fracionários In: Entre Tantos: diversidade na pesquisa educacional. Fortaleza: UFC, v.1, p. 190-199.

Santos, M. J. C. (2007). Reaprender frações por meio de oficinas pedagógicas: desafio para a formação inicial. Dissertação (Mestrado em Educação: Ensino de Matemática), Faculdade de Educação, Universidade Federal do Ceará – FACED/UFC, Fortaleza.

Santos, M. J. C. (2014). A Alfabetização Matemática na perspectiva do letramento: as aulas de matemática do 1º. ao 3º. anos iniciais do Ensino Fundamental. Anais do III Seminário de Escrita e Leitura em Educação Matemática. Lavras.

Santos, M. J. C. (2015). A formação do Pedagogo para o ensino de Matemática nos anos iniciais do Ensino Fundamental: reflexões dedutiva e epistemológica. XIV CIAEM-IACME, Chiapas, México, 2015. Recuperado de: http://xiv.ciaemiacme.org/index.php/xiv_ciaem/xiv_ ciaem/paper/viewFile/1379/530.

Smole, K. S., & Diniz, M. I. (2001). Ler, escrever e resolver problemas-habilidades básicas para aprender matemática. Porto Alegre-RS. ARTMED.

Souza, M. J. A. (2013). Sequência Fedathi: apresentação e caracterização. In: Sousa; et al. (Org.). Sequência Fedathi: uma proposta para o ensino de matemática e ciências. Fortaleza: Edições UFC.

Toledo, M., & Toledo, M. (2010). Teoria e prática de matemática: como dois e dois. São Paulo: FTD.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i7.4652

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com