The role of nurses in palliative care for cancer patients: a study of Brazilian reviews

Wanderson Alves Ribeiro, Bruna dos Santos Bulhões Felipe, Raísa Vitória Guedes de Oliveira

Abstract


Cancer is the general name given to a set of more than 100 diseases, which have in common in the disordered growth of cells, which tend to invade neighboring tissues and organs. This pathology stands out for its high incidence and mortality rates. It is estimated that in the world in 2020, there will be approximately 15 million new cases. Its objectives are to understand the role of nurses in assisting palliative cancer patients. To analyze the role of nurses in front of SAE in the care of palliative cancer patients pointed out in scientific productions. This is a study of bibliographic review, of a descriptive nature and with a qualitative approach. Searches were carried out in the database of the Virtual Health Library (VHL), between June and November 2019. Four articles were analyzed, resulting in the formation of two categories: Care actions for cancer patients and influencing factors for the practice of care. The nursing team is of paramount importance to the patient in palliative care and also serves as support for the family, giving all necessary support and safety to the terminally ill patient, contributing to the patient's comfort. The use of the nursing diagnosis brings benefits both to the patient and to the performance of the nursing activities themselves, as they guide through the nursing process, as to the individual needs of each patient. It is concluded that nursing is of paramount importance in assisting terminal cancer patients. SAE is the instrument used to systematize nursing care, and the nurse is primarily responsible for its applicability.


Keywords


Palliative care; Nurses; Oncology; Nursing processes; Personal nursing.

References


Andrade DS; Torres VPS. (2015) Perspectivas do enfermeiro frente aos cuidados para alivio da dor no paciente terminal oncológico. Persp. Online: biol. & saúde, Campos dos Goytacazes; 19(5): 63-77.

Bernardo CM; Bernardo DM; Costa IA; et al. (2014) A importância dos cuidados paliativos prestados pelo enfermeiro à criança com câncer em estagio terminal. J. res.: fundam. care. Online. 6(3):1221-1230

Brandão MCP; Anjos KF; Sampaio KCP; et al. (2017) Cuidados paliativos do enfermeiro ao paciente oncológico. Rev. Bras. de Saúde Funcional – REBRASF. 2017;1.2

Braz IFL; Gomes RAD; Azevedo MS; et al. (2018). Análise da percepção do câncer por idosos. Einstein. São Paulo; 16(2).

Cardoso DH; Muniz RM; Schwartz E; Arriera ICO. (2013) Cuidados paliativos na assistência hospitalar: a vivência de uma equipe multiprofissional. Texto contexto - enferm. Florianópolis; 22(4).

Coropes VBAS; Valente GSC; Oliveira ACF; et al. (2016) A assistência dos enfermeiros aos pacientes com câncer em fase terminal: revisão integrativa. Ver enferm. UFPE online, Recife, 10 (supl.6): 4920-6.

Daronco VF; Rosanelli CLSP; Loro MM; Kolankiewicz ACB. (2014). Cuidados paliativos a pacientes oncológico: percepções de uma equipe de enfermagem. Cienc. Cuid. Saúde.; 13 (4): 657-664

Fernandes MA; Evangelista CB; Platel ICS; et al. (2015). Percepção dos enfermeiros sobre o signifado dos cuidados paliativos em pacientes com câncer terminal. Ciênc. saúde coletiva [online]; 18(9): 2589-2596.

Fernandes MC; Silva FMP; Costa SP, et al.(2016). Facilidades e dificuldades das enfermeiras gerentes na implementação da gerência do cuidado no ambiente hospitalar. Rev. Fund. Care Online. 8 (4): 5039-5044.

França JRFS; Costa SFG; Nóbrega MML; et al. (2013). Cuidados paliativos à crianças com câncer. Rev. enferm. UERJ, Rio de Janeiro; 21(esp.2): 779-84.

Freitas NO; Pereira MVG. (2013). Percepção dos enfermeiros sobre cuidados paliativos e o manejo da dor na UTI. O mundo da saúde, São Paulo; 37 (4): 450-457.

Hermes HR; Lamarca ICA; (2013). Cuidados paliativos: uma abordagem a partir das categorias profissionais de saúde. Ciênc. saúde coletiva vol.18 no.9 Rio de Janeiro.

Leite FMC; Ferreira FM; Cruz MAS; et al. (2013). Diagnósticos de enfermagem relacionados aos efeitos adversos da radioterapia. Rev. Min. Enferm. out./dez.; 17(4): 940-945.

Marinelli NP; Silva ARA; Silva DNO. (2015). Sistematização da assistência de enfermagem: desafios para implantação. Rev. Enfern. contemporânea., jul./dez.: 4 (2): 254-263.

BRASIL, (2012). Ministério da Saúde. Instituto Nacional do Câncer (INCA). Ações de enfermagem para o controle do câncer: uma proposta de integração ensino-serviço. 3.ed.. Rio de Janeiro, 2012.

Monteiro, TA. et al. A atuação do enfermeiro junto a criança com câncer: cuidados paliativos. Rev enferm UERJ, Rio de Janeiro; 22(6):778-783

Guerrero, GP.; Zago, MMF; Sawada, NO; Pinto, MH. (2011). Relação entre espiritualidade e câncer: perspectiva do paciente. Rev. Bras. Enferm. 2011; 64(1): 53 – 59.

Gil AC; (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. 6º ed. – São Paulo: Atlas.

Minayo, MCS. (2008). O Desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 11. ed. São Paulo. Ed Hucitec.

Lakatos, EM; Marconi, NA. (2010). Fundamentos de Metodologia Cientifica. 7. ed. São Paulo. Ed. Atlas, 2010.

Ministério da Saúde [BR]. Saúde de A a Z. Câncer: sintomas, causas, tipos e tratamentos.

Ministério da Saúde [BR]. Instituto Nacional de Câncer – INCA. Câncer, causa e prevenção, conviver com câncer.

Numer C; Both CT; Rosanelli CSP. (2018). Sistematização da assistência de enfermagem a um paciente com câncer colorretal: contribuição para enfermagem. Rev. Espaço ciência & saúde, v.6, n.1, p.86-96

Ribeiro JP; Cardoso LS; Pereira CMS; et al. (2015) Assistência de enfermagem ao paciente oncológico hospitalizado: diagnósticos e intervenções relacionadas às necessidades psicossociais e psicoespirituais. Rev. Fund. Care Online. out./nov./dez.; 8(4):5136-5142.

Salimena AMO; Teixeira SR; Amorim TV; et al. (2013) Estratégias de enfrentamento usadas por enfermeiros ao cuidar de pacientes oncológicos. Rev. Enferm UFSM, jan./abr.; 3(1): 8-16.

Silva JP; Garanhani ML; Peres AM. (2017). Sistematização da assistência de enfermagem na graduação: um olhar sob o Pensamento Complexo. Rev. Latino-Am. Enfermagem jan./fev; 23(1): 59-66.

Vieira TA; Oliveira M; Martins ERC; et al. (2017) Cuidado paliativo ao cliente oncológico: percepções do acadêmico de enfermagem. Rev. Fund. Care Online. jan./mar.; 9(1): 175-180.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i7.3905

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com