Socioeconomic and self-care profile of adolescent pregnant women

Maria Helena dos Santos Moraes, Magnólia de Jesus Sousa Magalhães Assunção

Abstract


Early pregnancy is seen as a public health problem, this situation has repercussions worldwide and is no different in Brazil. The study aimed to identify the socioeconomic and self-care profile of pregnant adolescents. It was a descriptive, quantitative and transversal study. 185 pregnant adolescents attended at the prenatal service in Caxias-MA participated in this study. Regarding the guidelines on self-care, the research showed that most participants receive these guidelines, 138 (75%), however, what draws attention is the fact that health professionals are not the greatest advisors, but guidance from family members 51 (37%). From the data obtained, it was noted that pregnant adolescents were in situations of vulnerability, both socioeconomically and in their obstetric aspects, since early menarche and the beginning of sexual intercourse favor an early and often unwanted pregnancy.


Keywords


Self-care; Teenage pregnancy; Sexuality.

References


Albuquerque, A. P. D. S., Pitangui, A. C. R., Rodrigues, P. M. G., & Araújo, R. C. D. (2017). Prevalence of rapid repeat pregnancy and associated factors in adolescents in Caruaru, Pernambuco. Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil, 17(2), 347-354.

Andrade, B. D., Silva, A. C. P., Santos, M. T. M. D., Campos, T., Luquetti, S. C. P. D., Cândido, A. P. C., . & Netto, M. P. (2015). Fatores nutricionais e sociais de importância para o resultado da gestação, em mulheres em acompanhamento na rede de atenção primária de Juiz de Fora. Rev Med Minas Gerais, 25(3), 344-52.

Araujo, N. B. D., & Mandú, E. N. T. (2016). Produção de sentidos entre adolescentes sobre o cuidado de si na gravidez. Interface-Comunicação, Saúde, Educação, 20, 363-375.

Arboit, A. R. C. S., de Araujo, J. D. N., de Brito, M. M. V., Pereira, R. F., & Taki, M. S. (2018). Perfil nutricional e habitos alimetares de gestantes atendidas no centro integrado de saúde da mulher do município de Várzea Grande. TCC-Nutrição.

Barbosa, A. R. A., Brito, D. R., Neto, E. M. R., & de Morais, I. C. O. (2018). Utilização de medicamentos por gestantes atendidas pelo sistema único de saude em um municipio do sertão central. Mostra Científica da Farmácia, 4(2).

Barros, P. D. Q. D., Pichelli, A. A. W. S., & Ribeiro, K. C. S. (2017). Associação entre o consumo de drogas e a ideação suicida em adolescentes. Mental, 11(21), 304-320.

Borges, V. M., Moura, F., Cerdeira, C. D., & Barros, G. B. S. (2018). Uso de medicamentos entre gestantes de um município no suL de Minas Gerais, Brasil. Infarma-Ciências Farmacêuticas, 30(1), 30-43.

Botelho, D. L. L., Lima, V. G. A., Barros, M. M. A. F., & de Sousa Almeida, J. R. (2019). Odontologia e gestação: a importância do pré-natal odontológico. Sanare-Revista de Políticas Públicas, 18(2).

BRASIL. Ministério da Saúde; Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. Proteger e Cuidar da Saúde de adolescentes na atenção básica. 2. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2018.

Bueno, A. A., Beserra, J. A. S., & Weber, M. L. (2016). Características da alimentação no período gestacional. Life Style, 3(2), 29-42.

Cardoso, F. L., & Latorre, G. F. S. (2016). Função sexual feminina na gestação. Fisioterapia Brasil, 13(6), 458-462.

Chiarello, V., & Dias, R. G. (2017). Qualidade de Vida no Puerpério: Possíveis Relações com a Prática de Exercícios Físicos. do corpo: ciências e artes, 6(1).

Chizzotti, A. (2018). Pesquisa em ciências humanas e sociais. Cortez editora.

Costa, D. B., Coelho, H. L. L., & Santos, D. B. D. (2017). Utilização de medicamentos antes e durante a gestação: prevalência e fatores associados. Cadernos de Saúde Pública, 33, e00126215.

Costa, M. M. M. D., & Freitas, M. V. P. D. (2019). Gravidez na adolescência: onde estão os pais?. Seminário Nacional Demandas Sociais e Políticas Públicas na Sociedade Contemporânea.

Duarte, Q. A., Guimarães, V., Menegon, S., de Sousa Nunes, M. A., & Silva, R. R. (2019). Gravidez na adolescência: A Percepção de parturientes adolescentes. Revista Ciência & Saberes-Facema, 4(3).

Felipe, L. C., de Araújo, A. R. A., & Vitor, A. F. (2014). Processo de enfermagem segundo o modelo do autocuidado em um paciente cardiopata restrito ao leito. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, 6(3), 897-908.

Fernandes, R. F. M., Rodrigues, A. P., Soares, M. C., Corrêa, A. C. L., de Mello Cardoso, S. M., & Krebs, E. M. (2018). < b> Intercorrências obstétricas que ocorrem durante a gravidez na adolescência/Obstetric intercorrences occurring during pregnancy in adolescence< b. Ciência, Cuidado e Saúde, 17(1).

Galvão, R. B.F., Figueira, C. O., Borovac-Pinheiro, A., de Morais Paulino, D. S., Faria-

Schützer, D. B., & Surita, F. G. (2018). Hazards of repeat pregnancy during adolescence: a case-control study. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia/RBGO Gynecology and Obstetrics, 40(08), 437-443.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. Ediitora Atlas SA.

Gomes, C. D. B., Vasconcelos, L. G., Cintra, R. M. G. C., Dias, L. C. G. D., & Carvalhaes, M. A. B. L. (2019). Eating habits of pregnant Brazilian women: an integrative review of the literature. Ciencia & saude coletiva, 24(6), 2293-2306.

Gonçalves, M. F., Teixeira, É. M. B., dos Santos Silva, M. A., Corsi, N. M., Ferrari, R. A. P., Pelloso, S. M., & Cardelli, A. A. M. (2017). Pré-natal: preparo para o parto na atenção primária à saúde no sul do Brasil. Revista Gaúcha de Enfermagem, 38(3).

Imakawa, C. S. D. O. (2017). Influência do índice de massa corporal sobre a taxa de atividade física de gestantes e puérperas portadoras ou não de diabetes mellitus gestacional (Doctoral dissertation, Universidade de São Paulo).

Jardim, M. J. A., Fonseca, L. M. B., & Silva, A. A. (2019). The Nurse’s Contributions in Prenatal Care Towards Achieving the Pregnant Women Empowerment/Contribuições do Enfermeiro no Pré-Natal para a Conquista do Empoderamento da Gestante. Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online, 11(2), 432-440.

Jardim, M. J. A., Silva, A. A., & Fonseca, L. M. B. (2017). Contribuições do enfermeiro para o empoderamento da gestante no processo de parturição natural. VIII Jornada Internacional Políticas Públicas.

Jezo, R. F. V., da Silva Ribeiro, I. K., Araújo, A., & de Assis Rodrigues, B. (2017). Gravidez na adolescência: perfil das gestantes e mães adolescentes em uma unidade básica de saúde. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro, 7.

Ko, Y. L., Chen, C. P., & Lin, P. C. (2016). Physical activities during pregnancy and type of delivery in nulliparae. European journal of sport science, 16(3), 374-380.

Lima, F. R.& Oliveira, N. (2005). Gravidez e exercício. Revista brasileira de reumatologia, 45(3), 188-190.

Marín, C., Maçaneiro, C. A. R., Bottan, E. R., & Vavassori, F. (2015). Percepção do atendimento odontológico: comparações entre grupos de gestantes adultas e adolescentes. Revista de Atenção à Saúde, 13(46), 65-71.

Martins, S. (2017). Gravidez nas adolescências: construções das identidades ocupacionais maternas durante a gestação (Dissertação de mestrado). Universidade Federal de São Carlos-UFSCar, São Carlos, SP, Brasil.

Melo, M. M., Soares, M. B. O., & da Silva, S. R. (2015). < b> Orientações recebidas por gestantes adolescentes durante o pré-natal/Guidance provided to teen pregnancy during the prenatal< b. Ciência, Cuidado e Saúde, 14(3), 1323-1329.

Melo, M. M., Soares, M. B. O., & da Silva, S. R. (2015). < b> Orientações recebidas por gestantes adolescentes durante o pré-natal/Guidance provided to teen pregnancy during the prenatal< b. Ciência, Cuidado e Saúde, 14(3), 1323-1329.

Menezes, L. M. S., Silva, L. N. S., Vieira, I. S., & Delmondes, L. M. (2018). Perfil demográfico, socioeconômico e comportamento sexual de adolescentes grávidas de um município do nordeste brasileiro. Semana de Pesquisa da Universidade Tiradentes-SEMPESq, (18).

Moraes, N.A. (2013). O autocuidado como processo de aprendizagem da gestante adolescente (Dissertação de mestrado). PUCPRESS, Curitiba, PR, Brasil. Recuperado de https://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2013/7857_4643.pdf.

Motta, K. M. C., & Linhares, M. B. M. (2016). Perfil das Gestantes Usuárias de Álcool/Drogas e os Efeitos na Saúde e Desenvolvimento dos Filhos. Interação em Psicologia, 19(1).

Moura, C. O., Aleixo, R. Q., de Almeida, F. A., & Moreira, K. F. A. (2016). Prevalência de cárie em adolescentes gestantes relacionada ao conhecimento sobre saúde bucal em Porto Velho-RO. Revista Saber Científico, 1(1), 1-20.

Nascimento, Á. M., Gonçalves, R. E. L. M., Medeiros, R. M. K., & Lisboa, H. C. F. (2016). Avaliação do uso de medicamentos por gestantes em unidades básicas de saúde de Rondonópolis, Mato Grosso. Revista Eletrônica Gestão e Saúde, (1), 96-112.

Newton, E. R., & May, L. (2017). Adaptation of maternal-fetal physiology to exercise in pregnancy: The Basis of Guidelines for Physical Activity in Pregnancy. Clinical Medicine Insights: Women's Health, 10, 1179562X17693224.

Oliveira, S. D. F. A., Moura, E. G. O., Nunes, M. A. S., Silva, M. R. C., França, A. D. C. S., Carvalho, W. R. C., & Firmo, W. D. C. A. (2019). Avaliação do uso de sulfato ferroso por gestantes de um serviço de saúde público e privado de bacabal, maranhão. Journal of Biology & Pharmacy and Agricultural Management, 15(3).

Orem, D. E., Taylor, S. G., & Renpenning, K. M. (1995). Nursing concepts of practice.

Panthumas, S., Kittipichai, W., Pitikultang, S., & Chamroonsawasdi, K. (2012). Self-care behaviors among Thai primigravida teenagers. Global journal of health science, 4(3), 139.

Portela, G. L. C., Barros, L. M., Frota, N. M., Landim, A. P. P., Caetano, J. Á., & Farias, F. L. R. D. (2013). Percepción de la embarazada sobre el consumo de drogas ilícitas en la gestación. SMAD. Revista eletrônica saúde mental álcool e drogas, 9(2), 58-63.

Rêgo, M. H. D. M. (2019). Resiliência e apego materno-fetal em gestantes adolescentes (Master's thesis, Brasil).

Rêgo, M. H., Cavalcanti, A., & Maia, E. (2018). Resiliência e gravidez na adolescência: uma revisão integrativa. Psicologia, Saúde & Doenças, 19(3), 710-723.

Ribeiro, W. J. S.& Silva, R. A. (2019). Satisfação pessoal de gestantes quanto à prática sexual (Trabalho de conclusão de curso). Universidade Federal do Maranhão- UFMA, São Luís, Brasil.

Roecker, S. (2019). Qualidade de vida em gestantes praticantes e não praticantes de exercício físico na cidade de Rio Fortuna-SC. Educação Física Bacharelado-Tubarão.

Rossetto, M. S., Schermann, L. B., & Béria, J. U. (2014). Maternidade na adolescência: indicadores emocionais negativos e fatores associados em mães de 14 a 16 anos em Porto Alegre, RS, Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, 19, 4235-4246.

Santos, L. A. V., Lara, M. O., Lima, R. C. R., Rocha, A. F., Rocha, E. M., Glória, J. C. R., & Ribeiro, G. D. C. (2018). História gestacional e características da assistência pré-natal de puérperas adolescentes e adultas em uma maternidade do interior de Minas Gerais, Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, 23, 617-625.

Santos-Rocha, R., & Branco, M. (2016). Gravidez ativa–Adaptações fisiológicas e biomecânicas durante a gravidez e o pós-parto. In R. S. Rocha & M. Branco (Orgs.) Alterações fisiológicas e adaptações ao exercício durante a gravidez (cap. 5, pp. 124-132) Lisboa, Portugal.

Savall, A. C. R., Mendes, A. K., & Cardoso, F. L. (2017). Perfil do comportamento sexual na gestação. Fisioterapia em Movimento, 21(2).

Souza, R. L. D. S. (2018). Comportamento de risco á saúde quanto ao uso de álcool e tabaco em adolescentes grávidas (Bachelor's thesis). (Trabalho de conclusão de curso). Universidade Federal de Pernambuco- UFPE, Recife, PE, Brasil.

Souza, T. K. R., Vieira, R. P.& Neto, A. A. L. (2018). O desenvolvimento fetal influenciado pela prática de exercício físico por gestantes. Anais da Jornada de Educação Física do Estado de Goiás, 1 (1).

Sperb, M. (2018). Consumo alimentar de gestantes adolescentes e o grau de processamento de alimentos (Trabalho de conclusão de curso). Universidade Federal do Rio Grande do Sul- UFRGS, Porto Alegre, RS, Brasil.

Ulloque-Caamaño, L., Monterrosa-Castro, Á., & Arteta-Acosta, C. (2015). Prevalencia de baja autoestima y nivel de resiliencia bajo, en gestantes adolescentes de poblaciones del caribe colombiano. Revista chilena de obstetricia y ginecología, 80(6), 462-474.

Vieira, T., dos Santos, M. L. L., da Nóbrega, M. M., & Medeiros, H. R. L. (2016). Percepção de gestantes acerca da sexualidade e o papel do enfermeiro como educador na atenção primária à saúde. Temas em saúde. João Pessoa, 16(2).




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i5.3091

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com