Men's access to primary health care services: an integrative review

Cleubiane de Sousa Lima, Ricardo Saraiva Aguiar

Abstract


To analyze the access of men to primary health care services from the perspective of nursing. This is an integrative literature review based on the selection of articles in the BDENF, LILACS and SciELO databases. As inclusion criteria for the selection of the sample were used: original articles, published in Portuguese and between 2014 and 2018. Therefore, 21 articles were selected for analysis, interpretation, discussion and structuring of this article. We grouped them for discussion in the following categories: the absence of men in the primary health service from the male perspective; nursing and men's access to primary health care services; and strategies used in primary health care to facilitate men's access to health services. There were weaknesses regarding nursing performance in guaranteeing access to men in primary health care services, namely: lack of knowledge about the national policy of integral attention to men's health, lack of training and lack of training adoption of effective strategies capable of meeting men's health needs.


Keywords


Men’s Health; Health Services Accessibility; Nursing; Primary Health Care; Family Health Strategy.

References


Silva, A. N., Silva, S. A., Silva, A. R. V., Araújo, T. M. E., Reboucas, C. B. A. & Nogueira, L. T. (2018). A avaliação da atenção primaria a saúde na perspectiva da população masculina. Revista Brasileira de Enfermagem, 71(2), 236-43.

Aguiar, R. S., Santana, D. C. & Santana, P. C. (2015). A percepção do enfermeiro da estratégia saúde da família sobre a saúde do homem. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro, 5(3), 1844-54.

Lima, R. C. & Aguiar, R. S. (2020). Experiência paterna com o recém-nascido a partir das orientações de enfermagem. Revista Científica do ITPAC, 13(1), 44-49.

Balica, L. O. & Aguiar, R. S. (2019). Percepções paternas no acompanhamento do pré-natal. Revista de Atenção à Saúde, 17(61), 114-126.

Barreto, M. S., Arruda, G. O. & Marcon, S. S. (2015). Como os homens adultos utilizam e avaliam os serviços de saúde. Revista Eletrônica de Enfermagem, 17(3), 01-08.

Teixeira, D. B. S. & Cruz, S. P. L. (2016). Atenção à saúde do homem: análise da sua resistência na procura dos serviços de saúde. Revista Cubana de Enfermagem, 32(4).

Cordeiro, S. V. L., Fontes, V. D., Fonsêca, R. L. S. & Barboza, T. M. (2014). Atenção básica à saúde masculina: possibilidades e limites no atendimento noturno. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 644-49.

Mendes, K. D. S., Silveira, R. C. C. P., Galvão, C. M. (2019). Uso de gerenciador de referências bibliográficas na seleção dos estudos primários em revisão integrativa. Texto & Contexto Enfermagem, 28, e20170204.

Donato, H. & Donato, M. (2019). Etapas na condução de uma revisão sistemática. Acta Médica Portuguesa, 32(3), 227-235

Moher, D., Liberati, A., Tetzlaff, J. & Altman, D. G. (2009). Preferred reporting items for systematic reviews and meta-analyses: the PRISMA statement. PLoS Médica, 6(7), e1000097.

Assis, N. O., Rodrigues, J., Christófo, B. E. B. & Tacsi, Y. R. (2018). Atuação dos enfermeiros frente à política nacional de atenção integral saúde do homem: um estudo exploratório. Arquivos de Ciências da Saúde UNIPAR, 22(3), 151-56.

Moreira, M. A. & Carvalho, C. N. (2016). Atenção integral à saúde do homem: estratégias utilizadas por enfermeiras(os) nas unidades de saúde da família no interior da Bahia. Saúde & Transformação Social, 7(3), 121-32.

Oliveira, M. M., Daher, D. V., Silva, J. L. L. & Andrade, S. S. C. A. (2015). A saúde do homem em questão: busca por atendimento na atenção básica de saúde. Ciência e Saúde Coletiva, 20(1), 273-78.

Bertolini, D. N. P. & Simonetti, J. P. (2014). O gênero masculino e os cuidados de saúde: a experiência de homens de um centro de saúde. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 722-27.

Oliveira, J. C. X., Correa, A. C. P., Silva, L. A., Mozer, I. T. & Medeiros, R. M. K. (2017). Perfil epidemiológico da mortalidade masculina: contribuições para enfermagem. Cogitare Enfermagem, 22(2), e49724.

Casarin, S. T. & Siqueira, H. C. H. (2014). Planejamento familiar e a saúde do homem na visão das enfermeiras. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 662-68.

Solano, L. C., Bezerra, M. A. C., Medeiros, R. S., Carlos, E. F., Carvalho, P. B. & Miranda, F. A. N. (2017). O acesso do homem ao serviço de saúde na atenção primária. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental, 9(2), 302-08.

Albuquerque, G. A., Leite, M. F., Belém, J. M., Nunes, J. F. C., Oliveira, M. A. & Adami, F. (2014). O homem na atenção básica: percepções de enfermeiros sobre as implicações do gênero na saúde. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 607-14.

Moreira, R. L. S. F., Fontes, W. D. & Barboza, T. M. (2014). Dificuldades de inserção do homem a atenção básica saúde: a fala dos enfermeiros. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 615-21.

Trilico, M. L. C., Oliveira, G. R., Kijimura, M. Y. & Pirolo, S. M. (2015). Discursos masculinos sobre prevenção e promoção da saúde do homem. Trabalho, Educação e Saúde, 13(2), 381-95.

Portela, P. P., Mussi, F. C., Gama, G. G. G. & Santos, C. A. S. T. (2016). Fatores associados ao descontrole da pressão arterial em homens. Acta Paulista Enfermagem, 29(3), 307-15.

Arruda, G. O., Corrêa, A. C. P. & Marcon, S. S. (2014). Fatores associados aos indicadores de necessidades em saúde de homens adultos. Acta Paulista Enfermagem, 27(6), 560-6.

Paz, E. P. A., Guimarães, R. M., Muzi, C. D., Tavares, M. A. S., Bahia, C. A. & Ayres, A. R. G. (2014). Análise da tendência da mortalidade masculina no Rio de Janeiro: contribuição da enfermagem. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 593-99.

Araújo, M. G., Lima, G. A. F., Holanda, C. S. M., Carvalho, J. B. T. & Sales, L. K. O. (2014). Opinião de profissionais sobre a efetivação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do homem. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, 18(4), 682-89.

Souza, L. P. S., Almeida, E. R., Queiroz, M. A., Silva, J. R., Souza, A. A. M. & Figueiredo, M. F. S. (2014). Conhecimento de uma equipe da estratégia saúde da família sobre a política de atenção à saúde masculina. Trabalho, Educação e Saúde, 12(2), 291-304.

Cnorzy, R. C. N. et al. (2017). Fatores de risco para o câncer de próstata: população de uma unidade básica de saúde. Cogitare Enfermagem, (22)4, e51823.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i4.3027

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356