The importance of physical activity and healthy eating in cancer prophylaxis

Hyan Ribeiro da Silva, Fabrícia Rode dos Santos Nascimento, Samuel Lopes dos Santos, Maria Jordana Leandro Lustosa, Jean Carlos Leal Carvalho de Melo Filho, Catarina Lopes Portela, Rayssa Hellen Ferreira Costa, Carlos Antonio Alves de Macedo Junior, Laila Karina da Silva Fernandes, José Chagas Pinheiro Neto

Abstract


Cancer has been characterized as a major public health problem due to its high prevalence in both developed and developing countries. In this sense, the practice of physical activity and food is one of the alternatives in the prophylaxis of cancer. This article aims to demonstrate the importance of physical activity as well as healthy eating in cancer prophylaxis. This is an integrative literature review conducted through the databases of the Virtual Health Library (VHL), Scientific Electronic Library Online (SCIELO) and Latin American and Caribbean Literature in Health Sciences (LILACS) and Medical Literature Analysis and Retrieval System Online) MEDLINE. 35 articles were selected where only seven were part of the final sample. In view of the results obtained, it became evident that the practice of physical activity is essential in the prophylaxis of cancer, as well as the adoption of a healthy diet, the results are very positive in the treatment of breast cancer, as well as in children and the population elderly. This consequently improves the patients' physical and mental conditioning, as well as a better quality of life, increasing the chances of a cure for the disease. Therefore, the present research is limited to the benefits of physical activity and healthy eating in the prophylaxis of cancer. Given the above, the importance of studies like these is evident, since they contribute directly to scholars in the field, as well as to literature.


Keywords


Physical Activity; Cancer; Prophylaxis.

References


Boing, L. et.al. (2016). Atividade física após o diagnóstico do câncer de mama: Revisão sistemática. Edições Desafio Singular 2016, vol. 12, n. 2, pp. 155-166.

Chacon, L.D. et.al. (2018). Efeitos da atividade física em idoso com histórico de câncer. Motricidade, vol. 14, n. 1, pp. 109-116.

Cardoso, A.K.A. (2012). Exercícios Funcionais Domiciliares para Pacientes Pós-Mastectomia: Proposta de um Manual Ilustrado. Monografia (Graduação em Fisioterapia) Universidade do Extremo Sul Catarinense. Criciúma.

Gurgel, D.C. et. al. (2018). Atividade física e câncer: intervenções nutricionais para um melhor prognóstico. Motricidade, vol. 14, n. 1, pp. 398-404.

Ercole, F. F; Melo, L. S. de; Alcoforado, C. L. G. C. (2014). Revisão integrativa versus revisão sistemática. Revista Mineira de Enfermagem, v. 18, n. 1, p. 9-12.

Farias, J.F. (2010). Prevenção do Câncer Através da Alimentação. III Amostra de Trabalhos de Pós Graduação. XVIII Simpósio de Iniciação Científica. UniFil. 04 - 10 out.

Freguglia, I.O; Rute Estanislava Tolocka, E.(2018). Atividade física e tratamento de câncer em crianças. Rev Med Minas Gerais v. 28: e-1964.

Gurgel, M.M.S. (2011). Câncer de Mama: Estágio no Momento do Diagnóstico em Mulheres Residentes do Município Recife-Pernambuco. Monografia (Especialização em Saúde Coletiva) Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães. Recife.

Hipólito, K.P.P; Ribeiro, K.A.R.A. (2014). Importância da Nutrição na Prevenção e no Tratamento de Neoplasias. Interciência & Sociedade. V. 3 (2): 51-59.

Brasil. (2008). Ministério da saúde, INCA. Ações de Enfermagem para o Controle do Câncer uma Proposta de Integração Ensino-Serviço. 3ª Edição Revista, Atualizada e Ampliada. Rio de Janeiro.

Binotto, M.et. al. (2016). Atividade física e seus benefícios na qualidade de vida de mulheres com câncer de mama: um estudo transversal em Caxias do Sul – RS. Rev. Bras Ativ Fís Saúde v.21(2):154-161.

Munhoz, M.P. et. al. (2016) efeito do exercício físico e da nutrição na prevenção do câncer. Revista Odontológica de Araçatuba, v.37, n.2, p. 09-16, Maio/Agosto.

Perini, L.B; et. al. (2017). Qualidade da dieta de pacientes com câncer de mama em quimioterapia na Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON) vinculada a um hospital público da Serra Gaúcha. BRASPEN J, v. 32 (2): 144-8.

Prado, B.B.F.(2014). Influência dos hábitos de vida no desenvolvimento do câncer. Cienc. Cult. São Paulo. V.66 (1): 21-24.

Seixas, R.J; Bosso, A.G.O; Marx, A.G. (2012). Exercício Físico Aeróbico e Câncer de Pulmão: um Estudo de Revisão. Revista Brasileira de Cancerologia. V. 58 (2): 267-275.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i4.2868

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356