Results of the Gestational Diabetes Mellitus Approach at the Center for Specialties in Women's and Children's Health in Itanhaem-SP

Solange Ortolani, Carmencita Ignatti

Abstract


Documentary study of medical records of pregnant women with Gestational Diabetes sent to the high-risk prenatal center at the Center for Specialization in Women's and Children's Health - Cescrim "Paula Vegas". located in the city of  Itanhaem-São Paulo, Brazil, with the objective of identifying risk pregnancies during approach. From a total of 234 pregnant women enrolled in the PNAR-Prenatal High Risk system, 32 medical records were selected according to the research proposal, from September 2015 to June 2016, which were examined according to the following age, occupation, income, marital status, planned pregnancy, number of pregnancies, parity, abortions, stillbirths, type of birth, number of live births, date of last childbirth, gestational age, current weight, height, BMI, use of illicit substances fasting blood glucose at the beginning of prenatal, capillary glycemia control and oral glucose tolerance test (OGTT) of fasting and 2 hours. The obtained data were tabulated and placed in frequency tables. The specific results for the screening of DMG, indicated 59.3% for the first fasting glycemia between 92 and 125 mg / dl, thus confirming the suspicion of gestational diabetes. In the indeterminate results, the 2nd glycemia showed that 53% had altered results, showing the need to confirm the examination for early diagnosis of GDM. From the tests used as a coadjuvant for screening, such as Glucose Tolerance Testing, Capillary Glycemia, the results indicated 28% of the altered glycemic control, as well as Tolerance Test, with 2-hour glycemia, with 18.7% altered. The profile of the pregnant women, the risk factors for Gestational Diabetes, the methodology used to suspect the diagnosis, the conduct of the cases with confirmed criteria and the performance of the Nurses during the nursing consultation were also evaluated. It was evidenced the importance of care in the High Risk Specialized Referral Unit, which should be prepared to host the pregnant woman, promoting actions that will contribute to an early diagnosis, treatment, prevention of complications and solutions to problems and difficulties encountered during subsequent consultations, offering comprehensive and individualized humanistic and holistic care to pregnant women.


Keywords


gestacional diabetes; approach; nursing care.

References


Almeida, MA, Lucena, AF, Franzen E, Laurent, MC . Processo de Enfermagem na Prática Clínica- Estudos Clínicos Realizados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Artmed, 2011.

Amaral, FC, Assistência Humanizada da Gestante em Unidade de Saúde da Família. Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Núcleo de Educação em Saúde Coletiva . Araçuaí, 2011. 28f. Monografia (Especialização em Atenção Básica em Saúde da Família). Disponível em https://www.nescon.medicina.ufmg.br/biblioteca/imagem/3105.pdf

American Diabetes Association, Standards of Medical Care in Diabetes—2008- American Diabetes Association Diabetes Care 2008 Jan; 31(Supplement 1): S12-S54. Disponível em http://care.diabetesjournals.org/content/31/Supplement_1/S12.long

Cavalcanti PCS . O Modelo Lógico da Rede Cegonha, Recife: P. C. da S. Cavalcanti, 2010. 25 f.: il. Monografia (Residência Multiprofissional em Saúde Coletiva) – Departamento de Saúde Coletiva, Centro de Pesquisas Ageu Magalhães, Fundação Oswaldo Cruz.

http://www.cpqam.fiocruz.br/bibpdf/2010cavalcanti-pcs.pdf

Conselho Federal de Enfermagem - COFEN, Resolução COFEN Nº 358/2009 que dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem.Disponível em http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-3582009_4384.html

Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo – COREN-SP- Parecer 034/2014, Realização da Consulta de Enfermagem para gestante de risco na Atenção Básica. Disponível em http://portal.corensp.gov.br/sites/default/files/parecer_coren_sp_2014_034.pdf

Costa MS, Netto, LS, Buescu A. Vaisman M. Hipotireoidismo na Gestação –Revista Brasileira de Saúde Materno Infantilvol.4 no.4 Recife Oct./Dec. 2004 (Lino Sieiro Netto; Alexandre Buescu; Mario Vaisman, Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil.). Disponível em http://www.scielo.br/pdf/rbsmi/v4n4/a03v04n4.pdf.

Dieese – Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos. Salário mínimo nominal e Necessário. Disponível em https://www.dieese.org.br/analisecestabasica/salarioMinimo.html#2015, acesso em 15/09/2016.

Escorel, S, Giovanella, L, Mendonça, MHM de, Senna, MCM. O Programa de Saúde da Família e a construção de um novo modelo para a atenção básica no Brasil. Rev Panam Salud Publica, Washington,v.21,n. 2-3, Mar. 2007. Disponível em http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1020-49892007000200011

Luciano MP, Silva EF da, Cecchetto FH. Orientações de enfermagem na gestação de alto risco: percepções e perfil de gestantes – Revista de Enfermagem – UFPE – online,2011 jul.;5(5):1261-266. Disponível em https://professores.faccat.br/moodle/pluginfile.php/30770/mod_resource/content/1/artigo%20enfermegem%20na%20gesta%C3%A7%C3%A3o%20de%20alto%20risco.pdf

Ministério da Saúde, Brasil. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Gestação de alto risco: manual técnico / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – 5. ed. – Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2010. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/gestacao_alto_risco.pdf

Ministério da Saúde, Brasil. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Manual Técnico: Pré-natal e Puerpério. Atenção qualificada e humanizada. Caderno nº 5. Brasília, 2006. Disponível em: < http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/manual_pre_natal_puerperio_3ed.pdf >. Acesso em: 15 de setembro de 2016.

Ministério da Saúde. Portaria Nº 2.488, de 21 de outubro de 2011. Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes e normas para a organização da Atenção Básica, para a Estratégia Saúde da Família (ESF) e o Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS). Disponível em:

< http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt2488_21_10_2011.html> acesso em 15 de setembro de 2016.

Ministério da Saúde, Brasil - Cadernos de atenção básica 32 – Atenção ao Pré-Natal de Baixo Risco – Brasília – DF, 2013. Disponível em http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/publicacoes/caderno_32.pdf

Ministério da Saúde, Brasil – Portaria nº 4.279, de 30/12/2010). Redes de Atenção à Saúde. DF,2011. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2010/prt4279_30_12_2010.html

Ministério da Saúde, Brasil– Cadernos De Atenção Básica 39 – Núcleo de Apoio à Saúde da Família – Volume 1 – Ferramentas para a gestão e para o trabalho cotidiano – Brasília – DF, 2014. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/nucleo_apoio_saude_familia_cab39.pdf

National Intitutes Of Health. Consensus Development Conference: DiagnosingGestational Diabetes Mellitus. 2013 march. Disponível em: https://prevention.nih.gov/cdp/conferences/2013/ gdm/final-statement.aspx. Disponivel em https://consensus.nih.gov/2013/gdmstatement.htm

Nomura RMY, Paiva L. V., Costa V. N., Liao A. W., Zugaib M. Influência do estado nutricional materno, ganho de peso e consumo energético sobre o crescimento fetal, em

gestações de alto risco. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. ; v.34,n.3, p.107-112. 2012.Disponível em http://observatorio.fm.usp.br/handle/OPI/5786.

Secretaria Estadual De Saúde, São Paulo - Atenção a Gestante e a Puérpera no SUS-SP – Manual Técnico do Pré-Natal e Puerpério, São Paulo: SES/SP, 2010. Disponível em http://www.saude.sp.gov.br/resources/ses/perfil/gestor/destaques/atencao-a-gestante-e-a-puerpera-no-sus-sp/manual-tecnico-do-pre-natal-e-puerperio/manual_tecnicoii.pdf

Schmalfuss JM, Prates LA. Azevedo M de, Schneider V. Diabetes Melito Gestacional e as Implicações para o Cuidado de Enfermagem no Pré-Natal. Cogitare Enferm. 2014 Out/Dez; 19(4):815-22 – Chapecó, SC- Brasil.

Sociedade Brasileira de Diabetes- Diretrizes;| 2015-2016- Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes 2015-2016 - Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes (2015-2016) / Adolfo Milech...[et. al.]; organização José Egidio Paulo de Oliveira, Sérgio Vencio - São Paulo: A.C. Farmacêutica, 2016. il. ISBN 978-85-8114-307-1 1. Diabetes Mellitus. 2. Diabetes - Diagnóstico. 3. Diabetes - Tratamento. I. Milech, Adolfo. II. Oliveira, José Egidio Paulo de. III. Venancio, Sérgio. Disponível em http://www.diabetes.org.br/profissionais/images/docs/DIRETRIZES-SBD-2015-2016.pdf

Souza BC, Bernardo ARC. O Papel do Enfermeiro no Pré-Natal Realizado no Programa de Saúde da Família – PSF, Rev Interfaces Científica- Saúde e Ambiente Aracaju V.2 N.1 p. 83-94 • out. 2013.Disponivel em https://periodicos.set.edu.br/index.php/saude/article/download/796/525.

World Health Organization. Diagnostic criteria and classification of hyperglycaemia first detected in pregnancy: a World Health Organization Guideline. Diabetes Res ClinPract. 2013; 103(3):341-63.Disponivel em http://apps.who.int/iris/bitstream/10665/85975/1/WHO_NMH_MND_13.2_eng.




DOI: http://dx.doi.org/10.17648/rsd-v7i1.102

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com