Walking: approximations of the notions of Transdisciplinarity and Daseinsanalitical Clinical Psychotherapy (Daseinsanalyse)

Agnes Cristina da Silva Pala, Rose Mary Rosa da Costa Andrade Silva, Eliane Ramos Pereira

Abstract


The article aim approximations of pillars and features of Trandisciplinarity – third included, complexity, levels of reality, rigor, opening and tolerance – with Martin Heidegger´s phenomenologic notions – care, anguish, existence, opening and closing of sense – like possibilities of contributions for Daseinsanalitic Psychotherapic Clinical or Daseinsanalyse. In this clinical practice, there is no reduction of person in body, mind or diagnostic; the illness has a correlation with patient’s being in the world. Through a bibliographical research metodology, "Walking" broach the possibility of a transdisciplinar consider whole Daseinsanalyse, broadening the psychotherapeutic practice comprehension while privileged mode of care with human existence.


Keywords


Psychotherapy; Daseinsanalyse; Phenomenology; Transdisciplinarity.

References


Barros, R. B. (1998) A noção de “Entre” em Deleuze e Guattari: primeiras aproximações à clínica dos grupos. Cadernos Transdisciplinares – UERJ, Rio de Janeiro, p. 23-31, 1998.

Boff, L. (2003) Saber cuidar: ética do humano – compaixão pela Terra. Petrópolis: Vozes.

Cancello, L. A. G. (1991) O fio das palavras: um estudo de Psicoterapia Existencial. (4ª ed.) (Coleção Novas Buscas em Psicoterapia Vol. 45) São Paulo: Summus.

Comte-Sponville, A. (2000) Bom dia, Angústia ! Tradução: Maria Ermantina Galvão G. Pereira. São Paulo: Martins Fontes.

Dantas, J. B. (2005) Conclusão. In: Dantas, J. B. Angústia, Existência e Contemporaneidade. Niterói, 2005. 101f p. 91-97. Dissertação de Mestrado em Psicologia, Instituto de Ciências Humanas e Filosofia, Universidade Federal Fluminense.

Deleuze, G. & Parnet, C. (1998) Políticas. Deleuze, G. & Parnet, C. In: Diálogos. São Paulo: Escuta. pp. 145 – 170.

Deleuze, G. & Guattari, F. (2005a) Mil Platôs – Capitalismo e Esquizofrenia. (Vol.4) Trad. Suely Rolnik São Paulo: 34.

Deleuze, G. & Guattari, F. (2005b) O que é a filosofia ? (2a ed.) Tradução: Bento Prado Jr. e Alberto Alonso Muñoz. São Paulo: 34.

Ferreira, A. B. H. (1999). Aurélio século XXI: o dicionário da Língua Portuguesa (3a ed. rev. e ampl.). Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

Guattari, F. & Rolnik, S. (2005) Micropolítica: cartografias do desejo. (7a ed rev.) Petrópolis, RJ: Vozes.

Heidegger, M. (2000) Serenidade. Tradução: Maria Madalena Andrade e Olga Santos. Lisboa: Instituto Piaget. (Original publicado em 1959).

Heidegger, M. (2001) Seminários de Zollikon. Editado por: Medard Boss. Tradução: Gabriella Arnhould, Maria de Fátima de Almeida Prado. São Paulo: EDUC; Petrópolis, RJ: Vozes. (Original publicado em 1987).

Heidegger, M. (2002a) Ser e Tempo. (12a ed.) (Vol. 1) Tradução: Márcia Sá Cavalcante Schuback. Petrópolis, RJ: Vozes. (Original publicado em 1927).

Heidegger, M. (2002b) Ser e Tempo. (10a ed.) (Vol. 2) Tradução: Márcia Sá Cavalcante Schuback. Petrópolis, RJ: Vozes. (Original publicado em 1927).

Heidegger, M. (2002c) A questão da técnica. (2a ed.) In: Heidegger, M. Ensaios e Conferências. (12a ed.) Tradução: Emmanuel Carneiro Leão. Petrópolis, RJ: Vozes. (Original publicado em 1953).

Japiassu, H. (1976) Interdisciplinaridade e patologia do saber. Rio de Janeiro: Imago.

Fernandes, C. (2012) August Ferdinand Möbius. Disponível em: . Acesso em: 15 Fevereiro 2018. 11:30h.

Koehler, H. (1957) Dicionário Escolar Latino-Português. 7 ed. Porto Alegre: Globo.

Leão, E. C. (2002) Aprender a pensar. (5a ed.) (Vol. 1) Petrópolis, RJ: Vozes.

Leoni. (2001) Melhor pra mim. Você sabe o que eu quero dizer. São Paulo: Atração. Peermusic.

Nicolescu, B. (2005) O Manifesto da Transdisciplinaridade. (3a ed.) Trad. Lucia Pereira de Souza. São Paulo: Triom.

Pala, Á. C. S. (2005) A noção heideggeriana de cuidado (Sorge) e a clínica psicoterápica daseinsanalítica. Monografia de Conclusão da Graduação em Psicologia. Instituto de Ciências Humanas e Filosofia, Universidade Federal Fluminense.

Passos, E. & Barros, R. (2003) Complexidade, transdisciplinaridade e produção de subjetividade. In: T. M. G. Fonseca & P. G. Kirst (Org.). Cartografias e devires. A construção do presente. (Vol. 1) Porto Alegre: [s.n] p. 81-89

Pequeno Dicionário Latino-Português. (1955) (6a ed.) Revisto por Fernando de Azevedo. São Paulo: Companhia Editora Nacional.

Pompéia, J. A. (2004) Na presença do sentido: uma aproximação fenomenológica a questões existenciais básicas. São Paulo: EDUC; Paulus.

Sá, R. N. (2004) A questão do método na clinica Daseinsanalítica. In: Instituto de Psicologia Fenomenológico-Existencial do Rio de Janeiro Fenômeno Psi. (Ano 2, nº1). Rio de Janeiro: IFEN.

Sá, R. N. (2017) A noção heideggeriana de cuidado e a clínica psicoterápica. In: R. N. Sá Para além da técnica: ensaios fenomenológicos sobre psicoterapia, atenção e cuidado. Rio de Janeiro: Via veritas.

Sapienza, B. T. (2004) Conversa sobre terapia. São Paulo: EDUC, Paulus.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i4.2674

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356