Field Education Challenges: Science teaching and the reality of the Santo Antonio community

Ivaneildes Viana França Santos, Marcio Rogério Silva, Marcos Marques Formigosa, Felipe Bittioli Rodrigues Gomes

Abstract


The main objective of this research was to analyze the difficulties faced by students in contextualizing the contents of the 9th of Elementary School Natural Sciences with the local reality and specific of the Santo Antônio community, at the Santo Antônio Annex multiseriate school. Through a field research with a qualitative approach, was interviewed fathers and students and also documentary research was done. The results indicate that the rural schools are not prepared to contribute to the development of individuals in order to give a perspective of the contents to their way of life, and may directly influence the learning process of and the campo students, and may discourage them. It was identified that the lack of training of professional affect the preparation of classes appropriate to the wishes of students and the community. In addition, the heterogeneity of class, content and age range was one of the main reasons for the difficulty in performing school planning, resulting in classes in the seriate model. It also highlights the need for the school and community to be partners not only in the formation of scientific knowledge, but also in their valorization through Curricular Planning that contextualizes with the reality of the community, based on its culture and experiences. Thus, the education the campo needs to be committed to a curriculum planning that brings meanings to students' lives as subjects of the field, so that their culture is valued and used as a basis in the construction of teaching and learning, seeking strategies that contemplate the identity of the student country man.


Keywords


Field Education; Natural Sciences; Multigrade Classes.

References


Alves, F.G.A. (2017). (Em preparação) Por uma prática pedagógica emancipadora: os dilemas do currículo na educação do campo.

Brasil. LDB: Lei de diretrizes e bases da educação nacional. – Brasília: Senado Federal, Coordenação de Edições Técnicas, 58 p. 2017 (2017). Dispõe sobre o Conteúdo: Leis de diretrizes e bases da educação nacional – Lei no 9.394/1996 – Lei no 4.024/1961.

Brasil: Decreto nº 9099, de 18 de julho de 2017 (2017). Dispõe sobre o Programa Nacional do Livro e do Material Didático, Brasília, DF.

Coelho, A.E.F. & Malheiro, J.M. (2019). O Ensino de Ciências para os anos iniciais do Ensino Fundamental: a experimentação como possibilidade didática. Research Society and Development, v.8, n.6.

Guimarães, L.R (2009). Série professor em ação: atividades para aulas de ciências: ensino fundamental, 6º ao 9º ano. São Paulo: Nova Espiral.

Hage, S. M. (2011). Por uma escola do campo de qualidade social: transgredindo o paradigma (multi)seriado de ensino. Em aberto, Brasília, v. 24, n. 85, p. 97 – 113, abr. Disponível em: Acesso em: 28 jul. 2019.

Lopes, P (2019). Atuação dos pais na educação. [Artigo]. Canal do Educador. Disponível em: Acesso em 20 de junho de 2019.

Manzini, E. J. (2004). Entrevista semi-estruturada: análise de objetivos e de roteiros. In: Anais. SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE PESQUISA E ESTUDOS QUALITATIVOS. Bauru: USC. v. 1., p. 1-10. Disponível em: . Acesso em: 10/06/2019.

Pinheiro, M.S.D (2007). A concepção de educação do campo no cenário das políticas públicas da sociedade brasileira. In: Cadernos ANPAE. Rio Grande do Sul - UFRGS. Disponível em: . Acesso em: 15/05/2019.

Pozo, J.I. & Crespo, M.A.G. (2009). A aprendizagem e o ensino de Ciências: do conhecimento cotidiano ao conhecimento científico. 5 ed., Porto Alegre: Artimed.

Resolução n° 001, de 05 de janeiro de 2010 (2010). Do Governo do Estado do Pará. Dispõe sobre a regulamentação e a consolidação das normas estaduais e nacionais aplicáveis à Educação Básica no Sistema Estadual de Ensino do Pará.

Resolução nº 2, de 1º de julho de 2015 (2015). Do Conselho Nacional de Educação. Dispõe sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada.

Resolução nº 40, de 26 de julho de 2011 (2011). Dispõe do Programa Nacional do Livro Didático do Campo (PNLD Campo).

Rodrigues, V.L.; Santos, R.P.; Silva, J.P.; Gonçaves, P.; Rocha, T.S.; Brito, J.S. & Machado, E.A. (2013).Plano de curso unificado Ensino Fundamental II (5º a 8º série). Secretária Municipal de Educação – SEMED, Prefeitura Municipal de Anapu.

Santos, K.P. (2014). A importância de experimentos para ensinar Ciências no ensino fundamental. (Monografia de Especialização). Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UTFPR – Campus Medianeira.

Souza, A.T.C.F. (2018). Educação do Campo e escola multisseriada: o livro didático na formação do sujeito campesino. IN V CONEDU, CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Disponível em:

Tozoni-Reis, M.F.C. (2009). Metodologia de Pesquisa. (2ª ed). Curitiba: IESDE Brasil S. A. 136 p. Disponível em: . Acesso em: 20/09/2019.

Trivellato, J.J.; Trivellato, S.L.F.; Motokane, M.T.; Lisboa, J.C.F. & Kantor, C.A. (2012). Ciências, natureza e cotidiano, 9º ano. (2ª ed). São Paulo: FTD.

Colocar espaço entre uma referência e outra. Lembre que usamos APA.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i1.1790

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356