From the board to the touch screen: the challenges of teaching History with digital artifacts

Maria do Socorro Souza, Paulo Augusto Tamanini

Abstract


Digital technologies offer countless benefits to both society and school, especially cyberspace and its tools. Interaction, communication, ubiquity, information, dispersion and connectivity are just a few of them. The history teacher can no longer exclude technological artifacts from the classroom, nor ignore that his students live in an age marked by digital media, virtuality, immediacy, provisionality and inconstancy. This work consists of a bibliographical investigation whose objective is to discuss the insertion of digital technologies in the History teaching, analyzing its benefits and challenges, as well as the necessity of a methodological change for its incorporation. Through questions and reflections, and supported by authors such as Azevedo and Stamatto (2010); Fialho, Machado and Sales (2016); Arruda (2013, 2014); Bittencourt (2011) and Lévy (1996, 1999), the study develops a theoretical discussion about the theme. The study showed the need for the insertion of technologies in the History classroom, but a thoughtful insertion which considers the possibilities and challenges involved in the use of these artifacts, as well as the theoretical and methodological changes required for their use to be focused on the criticality and construction of citizenship, aiming at preparing the student to act as subject of his history.


Keywords


Digital Technologies; History teaching; Teaching methodology.

References


Almeida, M. E. B. (2005). Prática e formação de professores na integração de mídias. Prática pedagógica e formação de professores com projetos: articulação entre conhecimentos, tecnologias e mídias. In Almeida, M. E. B., & Moran, J. M. (Orgs.). Integração das tecnologias na educação (pp. 39-45). Brasília: Ministério da Educação/SEED.

Arruda, E. P. (2013). Cultura e ensino de história na perspectiva das redes sociais e do ciberespaço. In Silva, C. B. da, & Zamboni, E. (Orgs.). Ensino de história, memória e culturas (pp. 35-53). Curitiba, PR: CRV.

Arruda, E. P. (2014). Aprender História com jogos digitais em rede: possibilidades e desafios para os professores. In Magalhães, Marcelo et. al. (Orgs.). Ensino de História: usos do passado, memória e mídia (pp. 239-253). Rio de janeiro: FGV Editora.

Azevedo, C. B., & Stamatto, M. I. S. (2010). Teoria historiográfica e prática pedagógica: as correntes de pensamento que influenciaram o ensino de História no Brasil. Antíteses, 3(6), 703-728. Recuperado de http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/antiteses

Bittencourt, Circe M. F. (2011). Ensino de História: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez.

Bloch, M. L. B. (2002). Apologia da História ou o ofício de historiador. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

Ministério da Educação e Cultura (1998). Parâmetros Curriculares Nacionais: História - 5ª a 8ª séries. Brasília: SEF. Recuperado de http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/ pcn_5a8_ historia.pdf

Cainelli, Marlene (2006). Educação histórica: perspectivas de aprendizagem da história no ensino fundamental. Educar, edição especial, 57-72. Recuperado de https:// moodle.ufsc.br/pluginfile.php/571591/mod_resource/content/1/artigo%20Marlene.pdf

Cordeiro, Jaime (2009). Didática. São Paulo: Contexto.

Ferreira, N. S. de A. (2002). As pesquisas denominadas “estado da arte”. Revista Educação & Sociedade, 23(79), 257-272.

Fialho, Lia M. F., Machado, Charliton J. dos S., & Sales, José A. M. de. (2016). As teorias da História e a História ensinada no ensino fundamental. Educativa, 19(1), 1043-1065. Recuperado de http://seer.pucgoias.edu.br/index.php/educativa/article/viewFile/5465/30 22

Fonseca, Selva G. (2012). Didática e prática de ensino de História: experiências, reflexões e aprendizados. Campinas/SP: Papirus.

Freire, Paulo (2001). Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra.

Karnal, Leandro (2005). História na sala de aula. São Paulo: Contexto.

Lévy, Pierre (1999). Cibercultura. São Paulo: Editora 34.

Lévy, Pierre (1996). O que é o virtual. São Paulo: editora 34.

Mattelart, Armand (2002). História da sociedade da informação. São Paulo: Loyola.

Miranda, S. R. (2007). Horizontes e fronteiras teóricas na pesquisa do saber histórico escolar. In Miranda, S. R. Sob o signo da memória: cultura escolar, saberes docentes e história ensinada (pp. 37-106). São Paulo: UNESP, Juiz de Fora: EDUFJF.

Moraes, Antonio C. R. (1994). Geografia: pequena história crítica. São Paulo: Annablume.

Nikitiuk, Sônia M. L. (2001). Repensando o ensino de História. São Paulo: Cortez.

Nóvoa, Antonio (1992). Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote.

Piletti, Nelson (1997). História da educação no Brasil. São Paulo: Ática.

Prensky, Marc (2001). Nativos Digitais, Imigrantes Digitais. NCB University Press, 9(5), out./2001. Recuperado de http://www.colegiongeracao.com.br/novageracao/2_intencoes/ nativos.pdf

Santos, Boaventura de Sousa (1998). O acordo multilateral de investimentos. Folha de São Paulo. Recuperado de https://www1.folha.uol.com.br/fsp/dinheiro/ fi15039810.htm

Seffner, Fernando (2013). Aprender e ensinar história: como jogar com isso?. In Giacomoni, M. P., & Pereira, N. M. (Orgs.). Jogos e ensino de História (pp. 25-46). Porto Alegre: Evangraf.

Setton, Maria da Graça (2010). Mídia e educação. São Paulo: Contexto.

Souza, M. Do S., & Tamanini, P. A. (2018). Tecnologias digitais e ensino de História: estado do conhecimento. Anais do Seminário de Práticas Educativas, Memórias e Oralidades - SEPEMO. Fortaleza, CE, Brasil, 5. Recuperado de https://docs. wixstatic.com/ugd/87a2c1_149fe9070a37420b97e13ebb58884cd6.pdf




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i1.1576

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356