The Use of Digital Technologies in Teaching Contexts: Scratch, Logo, and Learning Objects

João Coelho Neto, Juliana Tais da Silva Marcomini, Lorena Gomes Bueno

Abstract


Scratch, SuperLogo and Learning Objects are tools that can help teachers in the classroom in a variety of levels of education, so these tools can stimulate the creativity and interest of those involved. This paper has two general objectives: to identify how Scratch and Logo softwares are being used to Mathematics teaching and which Learning Objects are being used to Mathematics teaching. The methodological approach used, it was steps adapted from a Literature Systematic Review, conducted in Brazilian journals in the Teaching area - 2013-2016 quadrennium, Qualis A1 and A2, for the Scratch and SuperLogo softwares and B2, for the Learning Objects. As considerations, we found in the stratum A1 and A2, 15.864 papers, of which only 4 dealt with the subject SuperLogo/Scratch, and only two actually dealt with the Mathematics teaching topic. Thus, the results indicate a small amount of work, 0.025% for Scratch and SuperLogo and 0.03% for Learning Objects, these underscores the need for more research related to the theme.


Keywords


Digital Technologies; Scratch; Logo; Learning Objects; Systematic Literature.

References


Carmo, E. do, Sales, G. L., Cacais, M. G. & Gomes, A. (2016) Tabelando: Objeto de Aprendizagem Para Letramento Estatístico. Conexões – Ciência e Tecnologia, 10(4), 120-132.

Cava, L. C. S. C. & Battini, O. (2015). Arte, Tecnologia e Leitura de Imagem: uma Proposta de Formação Continuada a Professores das Escolas Municipais com Jornada Ampliada na Cidade de Londrina. Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas, 16(2), 124-131.

Conceição, J. H. C. & Vasconcelos, S. M.(2018). Jogos Digitais no ensino de Ciências: contribuição da ferramenta de programação Scratch. Areté, 11(24),170-185.

Farias, F. de O. & Rivera, J. A. (2016). O uso do programa scratch na abordagem dos conceitos iniciais de cinemática para alunos do 1º ano do ensino médio. Revista amazônica de ensino de ciências, 9(18), 197-215.

Gil, A. C. (2008).Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas.

Godoy, A. S. (1995). Introdução à pesquisa qualitativa e suas possibilidades. Revista de Administração de Empresas, 35(2), 57-63.

Kitchenham, B. & Charters, S. (2007). Guidelines for performing Systematic Literature Reviews in Software Engineering. Keele: Keele University.

Oliveira, C, Moura, SP & Sousa, ER. (2015). Tic’s Na Educação: A Utilização Das Tecnologias Da Informação E Comunicação Na Aprendizagem Do Aluno. Pedagogia em Ação, 7(1), 75-95.

Oliveira, G.P. & Marcelino, S.B.(2015). Adquirir fluência e pensar em tecnologias em Educação Matemática: uma proposta com software SuperLogo. Educ. Matem. Pesq.,17(4), 816-842.

Ribeiro, T. N. & Sousa, D.do N. (2016). A Utilização do Software GeoGebra Como Ferramenta Pedagógica na Construção de Uma Unidade de Ensino Potencialmente Significativa (UEPS). Revista Sergipana de Matemática e Educação Matemática, 36-51.

Rolim; A. T. (2015). Literatura e Tecnologia: a Perspectiva do Professor. Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas, 16 (1), 19-28.

Souza, A. P. G. de. & Passos, C. L. B.(2015). Dialogando sobre e planejando com o SuperLogo no Ensino de Matemática dos Anos Iniciais. Bolema, 29(53), 1023-1042.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v8i12.1574

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com