The Participation of Federal Institutes in the Internalization of On-campus Higher Education in Brazil

João Germano Rosinke, Edione Teixeira de Carvalho, Gisele Cristina Lopes Rosinke, Guilherme José Santini da Silva

Abstract


This study, first, aims to analyze how the Federal Institutes were integrated in the offer of Higher Education in Brazil. Articulately, it will presents how the process of internalization of vacancies occurred. Creating the Federal Institutes in 2008, the federal government established them as institutions of higher, basic and professional education, promoting the expansion of the number of vacancies in the country. It is a quantitative and qualitative research. Data collection was performed based on information from the National Institute for Educational Studies and Research Anísio Teixeira - INEP, through the Higher Education Census system, from 2008 to 2017. Preliminary results show that the expansion and internalization of vacancies. This contributes to the access to higher education in regions that were not previously attended.

 


Keywords


Higher Education; Federal Institute; Vacancies expansion.

References


Afonso, A. M. M.; Gonzalez, W. R. C. (2014). Educação Profissional e Tecnológica: análises e perspectivas da LDB/1996 à CONAE 2014. Ensaio: aval. Pol. Públi. Educ., v. 24, n. 92, jul./set. 2014, p. 719-742.

BRASIL. Ministério da Educação. Centenário da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. Brasília: MEC, 2009. Retirado no dia 17 jun. 2019, de : http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/centenario/historico_educacao_profissional.pdf

Brasil. Decreto 7.566, 1909. Retirado no dia 17 jun. 2019, de: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf3/decreto_7566_1909.pdf.

Brasil. Lei nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Retirado no dia 16 maio 2019, de: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11892.htm.

Brasil. Lei nº 8.984, de 07 de fevereiro de 1995. Retirado no dia 25 agosto 2019, de: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L8984.htm.

Brasil. Ministério da Educação. Análise sobre a Expansão das Universidades Federais 2003 a 2012. Brasília, 2012. Retirado no dia 17 de maio 2019, de: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=12386-analise-expansao-universidade-federais-2003-2012-pdf&Itemid=30192.

Brasil. Censo da Educação Superior 2009. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, de: http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2009/resumo_tecnico_050105.pdf.

Brasil. Censo da Educação Superior 2010. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, de: http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2010/resumo_tecnico_050105.pdf.

Brasil. Censo da Educação Superior 2012. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2012/resumo_tecnico_050105.pdf.

Brasil. Censo da Educação Superior 2015. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2015/resumo_tecnico_050105.pdf.

Brasil. Censo da Educação Superior 2016. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2016/resumo_tecnico_050105.pdf.

Brasil. Censo da Educação Superior 2017. Resumo Técnico. Retirado no dia 14 de maio 2019, http://download.inep.gov.br/download/superior/censo/2017/resumo_tecnico_050105.pdf.

Bauer, M. W.; Gaskell, G, (Org.) (2002). Pesquisa Qualitativa com Texto, Imagem e Som: Um Manual Prático. 2ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes.

Instituto Federal – Histórico – Rede Federal. Retirado no dia 16 de maio, de: http://redefederal.mec.gov.br/historico.

Júnior, G. C. de O. (2017). Gestão institucional e evasão escolar no contexto de criação e expansão dos Institutos Federais. Dissertação de Mestrado Profissional da área de concentração em Gestão de Políticas e Sistemas Educacionais, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Brasília – UnB.

Kunze, N. C. (2005). A Escola de Aprendizes Artífices de Mato Grosso (1909-1941). Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

Ludke, M.; André, M. (1986). Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. São Paulo: EPU.

Macedo, J. M. de. (2011). A mundialização do capital e seus reflexos nas políticas de formação de professores no período 1990-2010. 494 p. Tese (Doutorado em Educação), Universidade Federal Fluminense, Niterói-RJ

Machado, F. P.; Pires, L. L. de A.; Barbosa, W. (2014). Entre artífices, Técnicos e Industriários: Trajetórias de Ensino e de Trabalho no IFG (1930-1990). Goiânia: Editora IFG.

Machado, L. R. S. (2011). Saberes profissionais nos planos de desenvolvimento de Institutos Federais de Educação. Cadernos de Pesquisa, 41(143), 352-375.

Minayo, M. C. de S. (org.). (2001). Pesquisa Social. Teoria, método e criatividade. 18 ed. Petrópolis: Vozes.

Nascimento, A. R. O. (2017). Criação e expansão da Rede Federal de Educação Profissional Científica e Tecnológica: implicações no campo da educação superior. Dissertação de Mestrado apresentado ao Programa de Pós-Graduação em Educação, Instituto de Educação, na Universidade Federal de Mato Grosso.

Otranto, C. R. (2010). Criação e implantação dos Institutos Federais de educação, ciência e tecnologia – IFETS. Revista RETTA. Rio de Janeiro, Ano 1, n. 1, (pp. 89-110), jan/jul.

Pacheco, E. M. (2011). Institutos Federais: uma revolução na educação profissional e tecnológica. Brasília-São Paulo: Fundação Santillana, Editora Moderna.

Peroni, V. (2003). Política educacional e papel do Estado: no Brasil dos anos 1990. São Paulo: Xamã.

Sousa, C. P. de. (2003). Significado da avaliação do rendimento escolar: uma pesquisa com especialistas da área. In: Sousa, P. de (org.) (2003). Avaliação do rendimento escolar. 11ª ed. Campinas: Papirus.

Sguissardi, V. (2008). Modelo de expansão da educação superior no Brasil: predomínio privado/mercantil e desafios para a regulação e a formação universitária. Educ. Soc., Campinas, v. 29, n. 105, dez. 2008. ISSN 0101-7330. Retirado no dia 21 de jun. 2019, de:

Turmena, L.; Azevedo, M. L. N. (2017). A expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica: os Institutos Federais em questão. Rev. Diálogo Educ., Curitiba, v. 17, n. 54, p. 1067-1084, jul./set.




DOI: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i1.1570

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Base de Dados e Indexadores: Base, Diadorim, Sumarios.org, DOI Crossref, Dialnet, Scholar Google, Redib, Doaj, Latindex, Redalyc, Portal de Periódicos CAPES

Research, Society and Development - ISSN 2525-3409

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

Rua Irmã Ivone Drumond, 200 - Distrito Industrial II, Itabira - MG, 35903-087 (Brasil) 
E-mail: rsd.articles@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/Research-Society-and-Development-563420457493356